Saiba como está a cachorra que achou corpo do dono soterrado

Apelidada de Guerreira, vira-lata ajudou a encontrar o dono, uma das vítimas das chuvas na Baixada Santista. Cadelinha será colocada para adoção

Guerreira tem, aproximadamente, um ano e meio

Guerreira tem, aproximadamente, um ano e meio

Diretoria Bem-Estar Animal de Guarujá

A imagem de uma cachorrinha sendo resgatada no morro da Barreira do João Guarda, em Guarujá (SP), comoveu as redes sociais.

Após os deslizamentos de terra causados pelas fortes chuvas, a vira-lata foi encontrada por homens da Guarda Civil Municipal cavando em meio aos escombros. No local, as equipes encontraram o corpo de seu dono soterrado.

Batizada de Guerreira, a pequena estava muito assustada e foi contida com uma corda improvisada no focinho. De lá seguiu para a Diretoria de Bem-Estar Animal de Guarujá para receber os primeiros cuidados.

A vira-lata está recebendo cuidados e, em breve, estará disponível para adoção

A vira-lata está recebendo cuidados e, em breve, estará disponível para adoção

Diretoria Bem-Estar Animal de Guarujá

"Hoje que ela está começando a se soltar. Ainda está com muito medo, claro. Mas está se reestabelecendo e sentindo mais confiança", conta Carlos Eduardo Vargas, diretor do órgão.

Além de alimentação e atendimento veterinário, Guerreira vem recebendo o carinho de funcionários e se mostrou à vontade durante um passeio. "Ela tem, aproximadamente, um ano e meio. É amigável e boazinha", diz.

Mais de 30 animais foram resgatados do local. Todos serão castrados, vacinados, vermifugados e microchipados para, então, serem encaminhados à adoção. Interessados devem levar documento e comprovante de residência para a Diretoria Bem-Estar Animal de Guarujá, que fica na rua Maria Lídia Rêgo Lima, 301.

Perdendo o medo durante o passeio

Perdendo o medo durante o passeio

Diretoria Bem-Estar Animal de Guarujá