Saiba como entreter o cachorro em casa durante a quarentena

Seu pet está perdido com a nova rotina? Os animais precisam gastar energia durante os dias de reclusão por conta do coronavírus. Veja atividades

Saiba como entreter o cachorro dentro de casa durante a quarentena

Brinquedos e exercícios mentais ajudam o animal a gastar energia

Brinquedos e exercícios mentais ajudam o animal a gastar energia

Pexel

Os casos de covid-19 não param de crescer no Brasil. A recomendação é para que a população fique em casa e evite aglomerações como medida para frear o contágio. Resultado: quarentena junto com os animais de estimação.

Cães adoram a ideia de ter os tutores disponíveis em casa, isso significa mais carinho e atenção. Mas a realidade não é bem assim. Grande parte das pessoas está trabalhando no modelo home office e as responsabilidades profissionais continuam. Ou seja, não vai ter bolinha durante o expediente e o bichinho não pode pular na frente do computador quando quiser, principalmente durante uma reunião com o chefe.

A maior dificuldade para o animal pode ser a suspensão dos passeios. Além de esperar ansiosamente por este momento, muitos só fazem as necessidades na rua. “A falta de atividade favorece o surgimento de comportamentos indesejados, como latir em excesso, pulos, destruição de objetos e móveis”, explica o adestrador Itamar Vieira.

Gasto de energia

O animal entediado pode aprontar dentro de casa

O animal entediado pode aprontar dentro de casa

Pexel

Sabe quando o cachorro decide aprontar todas dentro de casa? É sinal que está entediado. “Ele pode começar a fazer as necessidades em lugar errado para chamar a atenção, ter um aumento de ansiedade e sentir necessidade de morder. Ai começa a roer o pé de mesa, a cadeira, pega coisas para alguém correr atrás dele, cava o sofá fazendo buracos, vira o lixo, faz xixi na cama, estar coisas”, lista André Gaspar, adestrador.

A boa notícia é que, além da atividade física, os exercícios mentais também ajudam (e muito!) no gasto energético durante o confinamento. “É até o mais indicado neste momento. Só tem que prestar atenção se ele está bem e respeitar o limite”, alerta André.

A seguir, os profissionais listam atividades para você criar em casa:

- Arremeço de bolinha, bichinhos, gravetos: “Ou outro brinquedo que ele goste de buscar e trazer de volta”
- Esconda petiscos pela casa: “Muito bom para cansarem mentalmente e eles adoram”
- Coloque a coleira e ande com ele: “Essa técnica ajuda o cão que só faz xixi e cocô na rua, uma maneira de incentivá-lo a fazer em casa”
- Garrafa pet: “Faça vários furos na garrafa, de diferentes tamanhos. Depois coloque o petisco ou ração e deixe para ele brincar. O mesmo serve para caixa de papelão”
- Cabo de guerra: “Pode ser com brinquedos de corda, bichos de pelúcia ou até mesmo panos. Basta puxar de um lado e ele do outro”
- Gelinho de frutas: “Coloque frutas em forminhas de gelo com água e ofereça como um refresco”
- Desafio do brinquedo: “Amasse a ração, coloque dentro de um 'brinquedo recheável' e congele. Ele passará um bom tempo tentando tirar depois”

Neste período de pandemia, alguns adestradores estão dando aulas online para estimular a mente dos animais. Fica a dica!