Patricia Lages Análise: Cansado de sentir raiva de tanta notícia ruim?

Análise: Cansado de sentir raiva de tanta notícia ruim?

Não há como ficar indiferente com os rumos que a sociedade está tomando, mas é preciso ter cuidado para não viver com raiva

É importante cuidar da saúde mental

É importante cuidar da saúde mental

GDJ/Pixabay

Como processar tantas notícias negativas dia após dia sem se sentir indignado, irritado, perplexo e até desgostoso da vida? Mortes cada vez mais brutais, estupros, pedofilia e todo tipo de tráfico: drogas, animais, armas e até seres humanos.

Além disso, ainda temos de conviver com a corrupção não só de políticos, funcionários de Estado e pessoas de altos escalões, mas também do mecânico, do encanador e da assistência técnica do liquidificador que enganam descaradamente apenas para levar alguns reais a mais.

Sentir raiva diante desse quadro é totalmente aceitável, afinal, o problema seria ficar indiferente a tudo isso. Porém, alimentar e se apegar a essa raiva é como tomar uma dose diária de um veneno que afeta, lentamente, nossa saúde mental e física.

Quando permitimos que a nossa mente seja invadida por tantas notícias ruins, nosso ânimo se perde, comprometendo a nossa capacidade de planejar o futuro, até porque como traçar uma jornada feliz com tantas nuvens obscurecendo a visão? Não é à toa que uma parcela crescente da população esteja cada vez com mais dificuldades de produzir, inovar, criar e até sonhar.

Assim como ninguém permitiria que alguém entrasse na sala de sua casa e despejasse um latão de lixo sobre o tapete, não devemos permitir que a mídia e os influenciadores despejem seus “entulhos” na nossa mente. Estamos vivendo em meio a uma guerra cultural, política, econômica e social na qual ninguém está seguro.

É preciso racionalizar as informações, evitar as emoções e dosar a quantidade de más notícias que, inevitavelmente, invadirão o nosso cérebro. Não há como evitar que a poeira, a poluição e a sujeira entrem em nossa casa, mas devemos arejar e limpar o ambiente, colocando diariamente o lixo para fora, antes que produza mau cheiro e atraia bichos.

Manter a própria mente sã já é uma grande contribuição para uma sociedade melhor; afinal de contas, se cada um varrer a própria calçada, a rua inteira ficará limpa.

Os textos aqui publicados não refletem necessariamente a opinião do Grupo Record.

Últimas

    http://meuestilo.r7.com/patricia-lages