Máscaras tornam-se criativas e item de moda nos EUA

Usada na prevenção do coronavírus, item de segurança se transforma em elemento fashion

Máscara virou moda nos EUA

Máscara virou moda nos EUA

Reuters

Nas semanas que se seguiram desde que a pandemia de coronavírus deixou o mundo em parafuso, uma simples máscara facial evoluiu para um item de moda nos Estados Unidos.

Disponível em uma infinidade de estilos e padrões, a cobertura facial agora onipresente substituiu rapidamente a camiseta como a maneira mais estilosa para quase todos - dos bombeiros e torcedores da NBA a amantes de punk rock e gatos – expressarem ao mundo o que amam.

Incorporada ao figurino, máscara pode se tornar acessório de moda

"As pessoas estão ficando criativas com essas máscaras. Adoro a individualidade", disse Johnny Pisano, músico que adicionou máscaras a uma linha de camisetas que ele vende online para os fãs. As máscaras têm uma imagem de Pisano realizando seu movimento de palco tradicional – um pulo enquanto toca baixo.

Nos Estados Unidos, 55% dos adultos relataram usar máscaras em público, de acordo com uma pesquisa da ABC/Ipsos divulgada em 10 de abril.

Agora elas são obrigatórias em vários supermercados, consultórios médicos e lojas dos EUA, e muitos seguem as determinações oficiais de usar máscara quando saem de casa e não é possível manter o distanciamento social para evitar a propagação da doença.