Entediado? Aproveite a quarentena para organizar os armários

Consultoras de moda dão dicas práticas de como fazer uma faxina no que você não usa mais e deixar o closet em dia

Armário limpo ajuda a ter uma vida mais feliz

Armário limpo ajuda a ter uma vida mais feliz

Reprodução/Instagram

Famosas no Instagram, a estilista Gemma Lilly e a designer de interiores Charlotte Reddington parecem irmãs, mas são melhores amigas que se uniram para atuar como organizadoras de casas. No perfil Style Sister, elas compartilham um pouco do trabalho que realizam. A dupla acredita que um armário mais limpo contribui para um estilo de vida mais feliz.

Viradas de estação são sempre um bom momento para dar uma geral no armário. Por aqui temos o início do outono, enquanto a dupla trabalha com uma clientela que está iniciando a primavera no hemisfério norte. Mas estão todos dentro de casa por causa da pandemia mundial do coronavírus.

"Recomendamos cabides de veludo fino e divisórias de prateleira. Caixas de armanezanamento são inidicadas para guardar jeans, blusas, bolsas e outros itens. Os casacos podem ser guardados em plásticos à vácuo. O efeito pode ser conseguido com um aspirador para tirar o ar", sugerem.

Caixas ajudam na organização

Caixas ajudam na organização

Pexels

Charlotte aconselha que o guarda-roupa deve ser arrumado uma vez por semana, para não dar tempo de acumular a bagunça.

"Ao criar uma espécie de guarda-roupa estruturado, com divisões claras para cada tipo de roupa, é provável que você o mantenha. Isso torna muito simples de manter o espaço organizado", diz.

Para Lilly, quando você faz check-ins sazonais com seu guarda-roupa, percebe o que vestiu e o que não vestiu, permitindo que você crie espaço no guarda-roupa e maximize o que tem.

A consultora de imagem Vanessa Barone, dona do Brechó Descomplique, recomenda que o primeiro passo é olhar tudo o que tem no armário e separar o que ainda é usado, o que faz tempo que está encostado e o que precisa de conserto.

"Depois de tirar o que não serve, a técnica ideal é montar pilhas e separar as peças mais problemáticas, para poder experimentar de novo,  tentar fazer combinações", explica.

Aproveite o tempo para dar uma conferida também nos calçados e nos acessórios, como brincos, colares e pulseiras. Doe ou destine a uma brechó aquilo que não faz mais sentido para você. E lembre-se: tudo o que estiver escondido há mais de um ano dificilmente vai ser usado novamente. Desapegar é uma ótima forma de fazer a energia circular, o que é positivo para esses tempos de confinamento.