Pai deixa seu menino no carro quente por seis horas de propósito

Pai deixou menino no carro de propósito

Pai deixou menino no carro de propósito

Bebê Mamãe

O pai deixou este menino no carro quente de propósito

O pai deixou o menino de quatro anos no carro quente apenas com uma fresta aberta durante horas

Um menino de apenas quatro anos não resistiu e faleceu após ter sido deixado no carro quente por seu pai durante seis horas. O pai Kristopher Taylor, 26 anos, foi condenado nesta sexta-feira (11/10) a um ano de prisão pelo que fez.

No julgamento, o pai alegou que deixou o filho Riley em seu carro porque não havia encontrado uma creche para ele. O pai então revelou que deixou o pequeno com um videogame dentro do seu carro. Ele deixou apenas uma fresta da janela aberta e achou que isso seria suficiente para a ventilação, mas não foi.

Quando Kristopher retornou após seu turno de trabalho, ele encontrou o filho desacordado. O pai chamou a ambulância e o pequeno chegou a ser levado ao hospital. O caso ocorreu em Minnesota nos Estados Unidos, ao chegar no hospital, os médicos constataram que Riley havia falecido.
Durante o julgamento, o pai desabafou sobre a perda: “Eu sinto falta do meu filho, eu sinto muito a falta dele e ninguém pode me odiar mais do que eu me odeio pelo que fiz”, disse o pai.

A mãe de Riley, Julie Juers, escreveu uma carta em apoio ao pai. Ela disse: “Eu sei que o Kristopher sente muito…ele nunca quis que as coisas acabassem do jeito que acabaram. Cada parte do meu corpo sabe que ele não teve a intenção”.

Pai deixou seu menino no carro

Pai deixou seu menino no carro

Bebê Mamãe

O pai foi condenado a um ano de prisão por ter deixado seu menino no carro

O post Pai deixa seu menino no carro quente por seis horas de propósito apareceu primeiro em Bebê Mamãe.