Mãe bate recorde de Bolt após quase morrer no parto de sua bebê

Mãe quase morreu no parto de sua bebê e bateu recorde

Mãe quase morreu no parto de sua bebê e bateu recorde

Bebê Mamãe

Veja a história desta mãe que dez meses após sua bebê nascer bateu um recorde

Uma mãe atleta olímpica deu à luz seu bebê há apenas 10 meses e já bateu um recorde

Uma mãe fez história na última terça-feira (01/10) apenas 10 meses após sua bebê ter nascido. A corredora norte-americana Allyson Felix bateu o recorde do atleta Usain Bolt e se tornou a corredora com o maior número de medalhas de ouro em campeonatos mundiais de corrida!

Ela conquistou sua 12ª medalha em uma corrida no Qatar e sua filha Camryn acompanhou a vitória dela da arquibancada! Esta é a primeira vitória de Allyson após o parto e ela fez questão de dedicar sua conquista a todas as mamães! “Esta é para todas as mamães!”, disse Allyson após a vitória.

A volta ao trabalho após o nascimento de um filho nunca é fácil e no caso de Allyson ocorreram ainda mais complicações. Isto porque há 10 meses, Allyson precisou ser submetida a uma cesárea de emergência com apenas 32 semanas de gestação. Isto foi necessário porque ela desenvolveu uma pré-eclâmpsia severa e estava correndo sério risco de vida.

Em decorrência do parto prematuro, a filha de Allyson precisou passar um mês internada na UTI neonatal da maternidade em Los Angeles nos Estados Unidos. “A UTI é um lugar pesado. Eu nunca pensei que a maternidade começaria lá para mim. Foi exaustivo psicologicamente e fisicamente, tive que lidar com uma onda de emoções. Frequentemente, eu descia na lanchonete para comer alguma coisa e via uma família recebendo alta e chorava pensando quando seria minha vez”, relatou Allyson ao se lembrar desta fase.

Agora, ela e sua filha estão muito saudáveis. Após bater o recorde, Allyson fez questão de falar sobre a volta ao esporte após o nascimento da filha e a importância das mulheres apoiarem umas às outras. “Nossa jornada pela maternidade e de volta ao esporte é enorme, é maior do que nós, é maior do que o esporte. Eu acredito que tem a ver com superação e isto é algo que todas precisamos fazer. Eu vi o poder da coletividade. A necessidade de falar a sua verdade. Esse é um momento essencial para as mulheres no esporte, nós podemos criar a mudança. Mulheres, vamos nos apoiar e encorajar umas as outras. Nós podemos todas vencer, isto é uma irmandade!”.

Mãe com suas medalhas após nascimento de sua bebê

Mãe com suas medalhas após nascimento de sua bebê

Bebê Mamãe

Mãe com suas medalhas após bater recorde depois do parto de sua bebê

O post Mãe bate recorde de Bolt após quase morrer no parto de sua bebê apareceu primeiro em Bebê Mamãe.