Veja como a alimentação impacta na sua qualidade de vida

Nutrição, saúde e bem-estar físico e mental estão relacionados

Alimento é o “combustível” para a nossa vida

Alimento é o “combustível” para a nossa vida

Crédito: Pixabay

“Que seu remédio seja seu alimento, e que seu alimento seja seu remédio”. Com essa frase, o médico grego Hipócrates, considerado o pai da Medicina, ressaltava há mais de 2 mil anos a relação entre nutrição, saúde e bem-estar físico e mental.

E cada vez mais fica evidente que a boa alimentação impacta diretamente a qualidade de vida das pessoas, proporcionando condições para uma vida mais saudável e longeva e ajudando na prevenção e tratamento de doenças. Portanto, não é exagero dizer que uma vida cheia de saudabilidade “começa na mesa” e que o alimento é o “combustível” para a nossa vida.

Diante disso, você saberia dizer se tem se alimentado direito para ter uma vida melhor? Elaborados pelo Ministério da Saúde, os mandamentos da alimentação saudável podem te ajudar a responder esse questionamento. Confira!

• Comer frutas e verduras, por serem alimentos ricos em vitaminas, minerais e fibras.

• Para cada 2 colheres de arroz, comer 1 de feijão. Esses dois alimentos se complementam, principalmente no que diz respeito às proteínas.

• Evitar gorduras e frituras. Comer em excesso alimentos ricos em gorduras pode provocar o aparecimento de doenças como a obesidade, doenças cardiovasculares, hipertensão e diabetes.

• Usar 1 lata de óleo para cada 2 pessoas da casa por mês. Essa medida serve para a pessoa ter uma ideia da quantidade de óleo que deve ser usada no preparo dos alimentos.

• Realizar 3 refeições principais e 1 lanche por dia, pois evita longos períodos em jejum. E todos sabemos que quem fica muitas horas sem se alimentar acaba sentindo bastante fome e comendo exageradamente.

• Comer com calma e não na frente da TV. Quando a pessoa come com pressa, além de não saborear o alimento, demora mais tempo para ficar satisfeita e por isso come mais.

• Evitar doces e alimentos calóricos. É importante observar não só a quantidade, mas também a qualidade dos alimentos, pois muitos deles são pobres em nutrientes e ricos em calorias. Substitua o açúcar das bebidas por um adoçante da sua preferência, por exemplo.

• Comer de tudo um pouco, mas não esquecer de caprichar nas verduras, legumes, frutas e cereais.

• Em substituição ao açúcar no dia a dia, você pode utilizar os adoçantes. O produto também pode ser utilizado em receitas de bolo, panquecas e na preparação de smoothies e sucos.

Finn, equilíbrio para uma vida mais saudável.

Fontes e referências:

Ministério da Saúde. Alimentação saudável. Disponível em: < https://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/alimentacao_saudavel.pdf>. Acesso em: nov., 2021

Últimas