Guia da Cozinha Dicas para levar marmita sempre fresca pós-quarentena

Dicas para levar marmita sempre fresca pós-quarentena

Saiba como manter os alimentos saborosos e a marmita sempre fresca Levar marmita para o trabalho, faculdade, curso ou seja lá qualquer outro compromisso que você tenha fora de casa é totalmente comum. Muitos optam por se alimentar dessa forma pela praticidade, para evitar gastos e porque preferem a comidinha caseira e saudável. Mas é […]

Guia da Cozinha
Guia da Cozinha - Dicas para levar marmita sempre fresca pós-quarentena

Guia da Cozinha - Dicas para levar marmita sempre fresca pós-quarentena

Guia da Cozinha

Saiba como manter os alimentos saborosos e a marmita sempre fresca

Levar marmita para o trabalho, faculdade, curso ou seja lá qualquer outro compromisso que você tenha fora de casa é totalmente comum. Muitos optam por se alimentar dessa forma pela praticidade, para evitar gastos e porque preferem a comidinha caseira e saudável. Mas é claro que manter sua marmita fresca sempre não é uma tarefa tão simples, é preciso ter cuidado na hora de escolher o melhor recipiente, evitar alguns alimentos, entre outras várias dicas! Ficou curioso para saber? Então se liga nas dicas e truques que trouxemos para você!

Separe bem os alimentos

Guia da Cozinha - Dicas para levar marmita sempre fresca pós-quarentena

Guia da Cozinha - Dicas para levar marmita sempre fresca pós-quarentena

Guia da Cozinha

É importante separar direitinho seus alimentos na marmita para que os sabores não sofram interferências ao se misturarem. Ademais, tudo se manterá mais fresco, já que os alimentos quentes não correm o risco de murcharem ou danificarem alimentos frios como vegetais crus.

Será ainda melhor, se possível, manter as comidas frias em um recipiente e as quentes em outro. Assim, preparos como a salada permanecerão intactos durante o aquecimento da marmita com os demais componentes.

Evite alguns alimentos

Tem alguns alimentos que não adianta insistir, eles não combinam com marmita e dificilmente vão ficar bons quando você for consumi-los. As frituras são ótimos exemplos disso: geralmente perdem toda a crocância e o sabor. Algumas frutas também não valem a pena, como maçã e abacate cortados, já que podem oxidar e ficar com gostos nadinha saborosos.

Tenha o recipiente mais adequado

marmita sempre fresca

marmita sempre fresca

Guia da Cozinha

A melhor opção é investir em recipientes com divisórias, pois permitem que você decida qual parte vai ou não ao micro-ondas. E fique longe de marmitas de origem duvidosa! Essas podem conter substâncias nocivas à saúde como o Bisfenol A (BPA), um temido cancerígeno que é passado para os alimentos quando o recipiente é aquecido.

Utilize bolsa térmica

Claro que se o seu trajeto não for longo e se houver geladeira no local, não há necessidade da bolsa térmica. Porém, nos casos em que é preciso conservar o alimento por bastante tempo, a bolsa térmica é, sem a menor dúvida, perfeita para isso! Dessa forma, a marmita não será exposta à choques térmicos. Coloque gelo em sua bolsa para que a comida não estrague e aguente todo o caminho. Dica: use os gelos de silicone, porque não derretem e evitam gastos, visto que são reutilizáveis.

Molhos só na hora de consumir a salada

marmita sempre fresca

marmita sempre fresca

Guia da Cozinha

Deixe sempre para adicionar molhos e temperos apenas quando for consumir a salada. Quando colocados antes, as folhas ficam murchas e sem sabor, além de impregnarem os legumes. Carregue-os em potinhos à parte, desse modo sua salada permanecerá fresquinha!

Gostou das dicas para manter sua marmita sempre fresca? Fique de olho no Guia da Cozinha para mais!

LEIA TAMBÉM

Releitura do Picadinho Batata com Carne Assada Moqueca Capixaba

Últimas