Não são só os donos: pets também estão ganhando peso na quarentena

Pesquisa aponta que aproximadamente 33% dos animais de estimação estão menos ativos e comendo mais guloseimas durante o isolamento social

Mais comida e menos passeio: cães estão gorduchos

Mais comida e menos passeio: cães estão gorduchos

Reprodução/Fox News

Não são só os humanos que estão ganhando peso durante a quarentena de coronavírus.

Aproximadamente 33% dos animais de estimação estão menos ativos desde que o bloqueio começou, em março, e consequentemente mais gorduchos. 

Pesquisa realizada pela Wakefield Research para o Banfield Pet Hospital, ouviu  1.000 donos de animais sobre o tema. Para 25% dos participantes, seu animal de estimação ganhou apenas "um pouco de peso", enquanto 8% responderam que seus amigos peludos "ganharam muito peso" no isolamento social.

O motivo também aparece no levantamento: 40% dos entrevistados disseram que estão alimentando seus animais de estimação com mais petiscos e guloseimas desde o início do surto do coronavírus.

"Com os proprietários gastando mais tempo com seus gatos e cães durante a quarentena, eles podem demonstrar afeto com a comida com mais frequência", disse o veterinário de Banfield, Dr. Heidi Cooley, ao The New York Post. "Superalimentar, não fornecer exercício suficiente e dar muitas guloseimas são coisas que podem levar ao ganho de peso em animais de estimação."

Semelhante aos seres humanos que estão lutando para manter uma rotina de exercícios enquanto estão confinados em suas casas, o fechamento de parques e a permanência em ambientes fechados também afetam a circunferência dos animais de estimação.

Perigo para a saúde

"As pessoas podem estar achando difícil ajudar seus animais de estimação a atingir suas metas diárias de atividade devido às diretrizes para ficar em casa, com muitos donos de animais provavelmente evitando parques de cães, fazendo longas caminhadas ou utilizando serviços como passeadores de cães", diz Cooley. 

O veterinário aconselha os proprietários a "fazer pequenas alterações, como medir a comida de seu animal de estimação, limitando as guloseimas a não mais de 10% das calorias diárias do animal e aumentando a atividade diária do animal".

Peso pode causar artrite e diabetes nos animais

Peso pode causar artrite e diabetes nos animais

Reprodução/Fox News

Se não for mantido sob controle, o ganho de peso em animais pode levar a doenças graves, como artrite e diabetes.

Pelo lado positivo, os donos de animais acreditam que estão se conectando com seus amigos peludos mais do que nunca.

Cerca de 84% disseram que estão mais sintonizados com a saúde de seus animais de estimação devido a ficar em casa, 38% relataram que seus animais de estimação são "mais felizes" e 65% disseram que estão demonstrando mais carinho por eles.

Quando as coisas começam a voltar ao normal, 47% dos proprietários juram passar mais tempo com seus animais de estimação em casa, temendo que os animais sofram de "ansiedade de separação".