Sport Life A importância dos brinquedos para manter as crianças saudáveis

A importância dos brinquedos para manter as crianças saudáveis

Escolher o brinquedo certo para a criança é muito importante, pois é através dele que elas irão conseguir desenvolver a criatividade

Sport Life
Getty Images

Getty Images

Sport Life

Jogos, brinquedos e brincadeiras são muito importantes para o desenvolvimento infantil, pois por meio delas a criança consegue desenvolver a criatividade, já que brincar é criar uma situação imaginária, no qual a criança pode assumir diferentes papéis, indo além do seu comportamento habitual. Nessa pandemia, contudo, os pais estão procurando meios não apenas para entretê-las, mas também ajudá-las no desenvolvimento pessoal.

Segundo estudo da Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) e a Konduto, mesmo em época de pandemia, as compras na internet de jogos e brinquedos aumentaram 434,70%. Porém existem brincadeiras específicas para cada idade. Sobre isso, Karla Badaró Verbena, empresária e fundadora da My Toy Brinquedos, explica que é preciso ficar atento à faixa etária indicada na embalagem na hora da compra.

“Muitas vezes a recomendação de idade da caixa não condiz com a capacidade motora e cognitiva da criança, por isso é preciso avaliar quais aspectos aquele brinquedo pode desenvolver na mente dela. Para crianças menores de 2 anos, por exemplo, os brinquedos não devem ter peças pequenas, mas devem ser de materiais mais maleáveis”, comenta.
A promoção da saúde por meio da brincadeira.

Crianças que brincam são mais saudáveis e já ouvimos muito o slogan “brincar faz bem”, e de fato faz mesmo, porque a brincadeira é um momento terapêutico, ela relaxa e acalma. Na brincadeira, as crianças aprendem lições muito importantes que depois levarão para a vida adulta, como a sociabilidade, a capacidade criativa e inventiva, a partilha, alegria e bom humor, entre tantos benefícios.

A empresária também deu dicas e listou os brinquedos educativos certos para cada idade.

De 0 a 5 meses: a criança já reage aos sons a partir do primeiro mês e no segundo mês, já consegue seguir objetos com os olhos. Com três meses, descobre o mundo, passa a reconhecer os pais e tudo passa a ser levado à boca. Chocalhos, brinquedos musicais com sons moderados e mordedores, são boas opções.

De 3 a 4 anos: a criança aperfeiçoa a fala, a coordenação, a memória, o raciocínio e passa a ter noção de causa e consequência. Nessa fase, indico triciclo, carrinho grande de puxar, aviões, trenzinhos, brinquedos infláveis e bolhas de sabão.

De 4 a 6 anos : é importante apostar nos brinquedos que estimulem o raciocínio. Esta é a fase do mundo imaginário, a criança está desenvolvendo sua criatividade e os brinquedos nesta fase devem auxiliar a criança a entrar no mundo da fantasia, por exemplo, instrumentos musicais, eletrônicos e jogos de tabuleiro

Últimas