Sport Life 7 tendências globais da alimentação em 2021

7 tendências globais da alimentação em 2021

Nostalgia, Sabores: Sazonais Tentadores, Exploração e inovadores, Dulçor aceitável e Healthy Halo devem dominar o mercado da alimentação

Sport Life
Shutterstock

Shutterstock

Sport Life

O Global Taste Trends 2021 é o novo relatório da Kerry, que examinou como as tendências de alimentação estão se manifestando em todo o mundo e ganhando vida por meio da inovação de produtos. Essa revisão anual das macrotendências de sabor mais impactantes que influenciam os alimentos e bebidas em todo o mundo, visa identificar e entender as tendências de sabor, de cada região e país. O relatório mapeia os principais sabores na América do Norte, América Latina, Europa e região da Ásia-Pacífico, Oriente Médio e África, ressaltando como eles variam e viajam através dessas regiões.

As principais tendências foram identificadas para o Brasil e Cone Sul (Argentina, Chile, Paraguai e Uruguai) são:

1) Nostalgia: Aumentada pela pandemia, os consumidores estão em busca de alimentos e bebidas reconfortantes, sabores nostálgicos e clássicos que são familiares e desejáveis por toda a família. Exemplos: Algodão Doce, Brigadeiro, Brownie, Cereja, Cookie, Churros, Groselha e Tutti-frutti;

2) Sabores Sazonais: As pessoas passaram a esperar edições limitadas de seus produtos favoritos associadas à estação do ano ou datas comemorativas. Sabores populares, um passeio pelos sabores familiares preferidos ou novos sabores deixam os consumidores ansiosos. Apesar da pandemia, a excitação em torno de itens sazonais continua, e dá aos consumidores os meios para quebrar a monotonia. Exemplos: Café mocha, Cookies & cream, Cravo da Índia, Maçã com canela e Panetone.

3) Sabores Tentadores: Em um mercado consumidor cada vez mais social e digital, alimentos e bebidas visualmente impactantes deram origem a novos sabores, texturas e inovação de ingredientes. Exemplos: Açaí, Beterraba, Clorofila, Lemon Pepper, Pink Lemonade, Spirulina e Piña Colada.

4) Exploração de Sabores: Com ou sem restrições de viagem em função da Covid-19, os consumidores continuam seu amor por viajar através de suas papilas gustativas. Eles buscam culinárias autênticas e acessíveis de países, regiões e localidades distintas, sejam de origem local ou internacionalmente inspiradas. Exemplos: Arrabiata, Creme Brulée, Feijoada, Guacamole, Habanero, Limão siciliano, Merken, Pisco Sour e Tiramisú.

5) Sabores inovadores: Sabores originais e desconhecidos despertam a curiosidade do consumidor, seja a partir de sabores de fantasia, sabores misteriosos, ou se familiarizando com sabores desconhecidos de extensões de produtos ou de edições limitadas. Exemplos: Alho negro, Cajá, Ginger Ale, Lichia, Moscow Mule, Romã, Umbu e Wasabi.

6) Dulçor aceitável: Os consumidores estão cada vez mais focados em gerenciar o consumo de açúcar – produtos que anunciam menos açúcar, dulçor reduzido e alternativas ao açúcar de rótulo limpo estão ganhando atenção. Exemplos: Açúcar do Coco, Cacau, Canela, Mel e Xilitol.

7) Healthy Halo: Os consumidores estão interessados em ingredientes e sabores que proporcionam não apenas uma experiência de sabor agradável, mas também sensíveis benefícios de saúde e funcionalidades. Este foco aumentou drasticamente durante a Covid-19, à medida que as pessoas recorrem a soluções que apoiam seus objetivos de saúde imediatos e de longo prazo. Exemplos: Alho, Alho-Poró, Cardamomo, Chá verde, Cúrcuma, Gengibre, Guaraná, Hortelã, Laranja, Limão, Manjericão e Rosa.

Por exemplo, no Brasil e na região do Cone Sul os consumidores estão explorando sabores como habanero e guacamole, e nos EUA eles estão procurando o creme irlandês, bem como o BBQ coreano.

Os consumidores que anseiam nostalgia no México procuram Al Pastor e tamarindo, enquanto na região Ásia-Pacífico, sabores como lichia e manga verde trazem conforto.

“Os consumidores aventureiros estão procurando explorar diferentes opções, novos pratos exóticos, novos cheiros, novas experiências que lhes permitam viajar através de seus sentidos e conectar-se com outras regiões e culturas. Os sabores étnicos se aceleraram na América Latina e estamos começando a ver mais variedade em pimentas como Habanero, Arrabiata e Morita Chili, assim como na cozinha internacional e molhos como Thai, Mediterrâneo, Teriyaki e Chimichurri. A rotina diária de cozinhar em casa convida o consumidor a experimentar novos sabores que trazem emoção e gostos internacionais”, comentou Roberta Viglione, Gerente de Marketing do Taste para a Kerry Latin America.

O relatório também apresenta uma série de conceitos adaptados para inspirar grande inovação de produtos, tais como sorvete à base de plantas, nuggets de tempura e chá gelado.

Comentando o lançamento do relatório, Leigh-Anne Vaughan, Diretora de Marketing Estratégico Global no Taste, acrescentou:

“No ano passado, vimos mudanças e aceleração nas tendências devido à pandemia da COVID-19. Surgiu um gosto pela nostalgia, com os consumidores gravitando em direção a alimentos e bebidas de conforto familiar, tais como algodão doce e massa de Biscoitos. Sabores sazonais também oferecem conveniência, e os consumidores esperam ofertas limitadas de tempo durante as estações ou celebrações festivas.

A Global Taste Trends pode ser alavancada para criar conceitos inovadores que atendam às mudanças nas preferências dos consumidores. Através de ferramentas proprietárias como Trendspotter™, conhecimento líder de mercado e conhecimento de tendências locais, podemos fazer parcerias com os clientes para traduzir nosso conhecimento de gosto líder em grandes produtos. Estamos comprometidos em orientar nossos clientes em sua jornada para desenvolver a próxima geração de sabores que irão encantar, surpreender e entusiasmar os consumidores”, conclui.

Últimas