Como cuidar da pele do rosto masculino

Homem precisa adotar uma rotina diária de skincare se quiser ter uma pele facial saudável e sem acne ou oleosidade

Pele masculina é mais propensa à acne e oleosidade

Pele masculina é mais propensa à acne e oleosidade

Dr Obot Dean/Freepik

Assim como as mulheres, você sabia que a pele masculina também merece cuidados especiais?

De acordo com a SBDRJ (Sociedade Brasileira de Dermatologia Rio de Janeiro), o homem possui maior concentração de testosterona, que faz a textura, a espessura e a densidade da pele serem diferentes da pele da mulher. “Possuem a cútis mais áspera e com mais queratina para suportar os fios grossos e volumosos da barba, que ajuda a proteger o rosto contra radiação solar e poluição”, explica a SBDRJ em seu site.

Ainda segundo a entidade, a quantidade maior de glândulas sebáceas faz com que a pele masculina seja mais oleosa e propensa à acne. Sendo assim, a SBDRJ recomenda produtos livres de óleo, tanto para o controle do brilho quanto para a prevenção de espinhas.

O dermatologista e membro da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) Werick França recomenda protetor livre de óleo, um sabonete que tenha ácido glicólico ou ácido salicílico em sua composição, um produto à base de vitaminas C ou E para usar durante o dia. “Já estamos com pelo menos 70% do básico de cuidado para uma pele masculina”, afirma o especialista.

Portal R7

E os cuidados para quem tem barba?
O dermatologista Werick França orienta:

● Lavar a barba com shampoo anticaspa pelo menos uma ou duas vezes na semana para eliminar a caspa e outro para uso diário, que pode ser o mesmo do couro cabeludo
● Hidratar o rosto com creme hidratante e enxaguar muito bem
● Usar loções à base de ácido salicílico para evitar pelos encravados no rosto e melhorar a flexibilidade dos fios

Essas dicas são um oferecimento de Asepxia em parceria com o Portal R7.

Fontes consultadas:
Dr. Werick França, dermatologista e membro da SBD (Sociedade Brasileira de Dermatologia) (CRM-SP 158910). Entrevistado em: novembro, 2021
SBDSP (Sociedade Brasileira de Dermatologia São Paulo) [internet]. Acesso em: novembro, 2021

Últimas