Como usar os ácidos no skincare?

Ácidos glicólico, retinóico, lático e hialurônico. Cada um deles tem uma propriedade específica para a pele. Confira abaixo qual o melhor para sua rotina de skincare

  • Beleza | Do R7 Conteúdo e Marca

Época Cosméticos mostra os diferentes tipos de ácidos para a pele e como usá-los

Época Cosméticos mostra os diferentes tipos de ácidos para a pele e como usá-los

Divulgação

Os cuidados com a pele devem fazer parte de uma rotina para que você esteja sempre com o rosto luminoso e saudável. Para isso, você pode utilizar os ácidos como um parceiro dedicado para seu bem-estar. Mas, você sabe para que servem os ácidos, quais suas propriedades e benefícios?

Pensando nisso, preparamos dicas com os principais ácidos utilizados na cosmética para trazer vitalidade e saúde para a pele. Ácido hialurônico, retinóico, glicólico e lático: conheça um pouco mais sobre cada um deles, e aproveite o cupom Época Cosméticos para comprar com descontos seus novos aliados da beleza.

Ácido hialurônico
Talvez o ácido hialurônico seja o mais conhecido dos ácidos que fazem parte dos cuidados com a pele. Mas, ainda assim, surgem muitas dúvidas sobre suas propriedades. Afinal, o que é ácido hialurônico? Como incluí-lo no tratamento da pele? Quais seus benefícios?

O ácido hialurônico faz tanto sucesso nos tratamentos de beleza porque é uma substância produzida naturalmente pelo corpo. Com o passar dos anos, o organismo diminui sua produção, e, então, é possível recorrer à reposição por meio da aplicação do ácido na superfície da pele.

A substância ajuda a manter a hidratação, reduzindo sinais de expressão, diminuindo a flacidez e melhorando o viço. Com todas essas vantagens, o ácido hialurônico é um produto que não pode faltar na rotina de skincare, pois auxilia também na melhora da aparência de olheiras e bolsas.

Ácido retinóico
O retinol é um princípio ativo que favorece a renovação celular, isso porque essa substância tem como origem a vitamina A. Em contato com a pele, o retinol se transforma em ácido retinóico e promove uma série de benefícios para a camada mais superficial da pele.

Por exemplo, o ácido retinóico auxilia em sua renovação porque tem a propriedade de remover células mortas, e também é uma excelente opção para compor um tratamento em peles oleosas ou que apresentam acne. 

O retinol é responsável, também, por aumentar a produção da elastina e do colágeno no organismo, responsáveis pela sustentação da pele e deixando-a mais firme. Com essas propriedades, ele também reduz os sinais de expressão mais profundos e traz mais viço e luminosidade para a pele.

Ácido glicólico
O ácido glicólico tem uma função parecida com a do retinóico, pois também ajuda na renovação celular. Mas, ainda assim, muitas pessoas se perguntam para que serve o ácido glicólico? A grande vantagem do uso desse componente no tratamento de skincare é a descamação da pele, deixando-a mais luminosa e renovada.

Exatamente por sua propriedade de descamação, ele também auxilia na uniformização do tom da pele, retirando o excesso de pigmentos provocado por, por exemplo, o melasma. Além disso, ele reduz as linhas de expressão, sinais de cicatrizes e controla a oleosidade.

O ácido glicólico também é um parceiro da produção de colágeno, dando mais sustentação e melhorando a textura da pele. Mas atenção, embora traga muitos benefícios para a pele, como o ácido glicólico produz descamação, é importante que você tenha um acompanhamento antes de dar início ao seu uso, para que aplique a quantidade correta, da forma indicada para seu caso. 

Ácido lático
Assim como outros ácidos que tratamos neste artigo, o ácido lático também é um componente natural, produzido pelo próprio corpo, principalmente quando realizamos atividades físicas. Ele é o responsável por gerar energia para os músculos.

A grande vantagem do ácido lático é sua versatilidade. Ele não só atua na regulação da energia, mas também é uma excelente opção para a rotina de skincare. Isso porque ele possui a característica de hidratar as células. 

Na pele do rosto ele previne acne, sinais de expressão, verrugas e melhora o viço. No cabelo (sim! ele também é bom para o cabelo) ele deixa o fio mais estruturado e sedoso, pois preenche os espaços abertos pelas químicas na cutícula do fio.Ou seja, é vantagem em todos os sentidos.

Passo a passo de cuidados

Passo a passo de cuidados

Divulgação

Como montar uma rotina de skincare?
Agora que você já conhece as vantagens de cada ácido e os benefícios de utilizá-los na rotina de skincare, vamos falar de uma parte fundamental para que tudo corra bem com os cuidados da sua pele.

Antes de aplicar os ácidos, é importante que a pele esteja limpa. Por isso, é indicado que você lave o rosto com água e sabão neutro, enxugue bem para, só então, aplicar o ácido. É muito importante também que você siga corretamente as instruções, como áreas permitidas de aplicação e tempo que o produto pode ficar em contato com a pele, para evitar ressecamento ou queimaduras.

Depois de tudo feito, não se esqueça de passar o filtro solar, que protege o rosto dos raios UVA e UVB, pois a pele estará sensível e pode causar manchas no contato com o sol.

Prontinho! Sua pele bonita e saudável com um passo a passo simples e dedicado a você.

Últimas