Manchas de espinhas – Como tratar e prevenção

As espinhas são inflamações que podem deixar manchas escuras na pele. Confira formas de tratar e até evitar estas marcas inconvenientes. Essa matéria Manchas de espinhas – Como tratar e prevenção foi criada pelo site Área de Mulher.

Area de Mulher

Certamente, a acne é uma inflamação super incômoda, mas a situação pode piorar se não for tratada devidamente, deixando manchas e cicatrizes na pele. Por vezes, essas marcas são resultado do ato de espremer e estourar as espinhas, acompanhado da falta de cuidados básicos com a pele.

Basicamente, quando se espreme uma espinha, a pele da região é ferida e a melanina naquele local é estimulada, o que deixa marcas na epiderme. Apesar de esse ser o principal motivo, fatores como exposição desprotegida ao sol e alterações hormonais podem causar ou agravar o surgimento das manchas de espinhas.

No entanto, a boa notícia é que essas marcas podem ser tratadas e até evitadas. Quanto ao tratamento, existem opções e receitinhas caseiras para clareamento da pele ou tratamentos estéticos realizados por profissionais.

No entanto, independentemente de como você decidir tratar das manchas de espinhas, é de suma importância a consulta com um dermatologista previamente. Só um profissional poderá te instruir quanto ao uso correto de determinados produtos e ingredientes, a quantidade e a forma de aplicá-los na pele de forma segura.

Receitas de tratamentos caseiros para manchas de espinhas

Máscaras caseiras

Máscaras caseiras

Area de Mulher
Fonte: Toda Teen

Para começar, vale ressaltar que esse tipo de tratamento é indicado para casos mais superficiais. Entretanto, devem ser acompanhados do uso diário de protetor solar e de uma boa skincare. Dessa forma garante-se a adequada limpeza, tonificação, hidratação e proteção que a pele tanto precisa.

Frequentemente, se tratando de máscaras clareadoras caseiras, um produto comumente usado é o leite de rosas. Por ter ação antibacteriana, anti inflamatória e ainda adstringente, controla a oleosidade e a acne ao mesmo tempo que clareia manchas diversas. Em segundo lugar, a loção clareadora Muriel também tem efeito parecido, atuando na diminuição de marcas da pele de maneira suave.

Uma dica adicional são as máscaras faciais de pepino e tomate, pois são hidratantes e clareadoras. Já as famosas máscaras com bicarbonato de sódio são contra recomendadas por dermatologistas, pois estas podem agredir a pele e acabam não clareando de fato. Por fim, abaixo você encontrará duas opções de receitas caseiras maravilhosas para remoção de manchas de espinhas.

Máscara caseira com leite de rosas

Ingredientes

2 colheres de chá de amêndoas moídas; 1 colher de chá de leite de rosas; 5 gotas de óleo essencial de Palmarosa; 1 colher de chá de mel.

Modo de uso

Para começar, lave o rosto com sabonete e água em temperatura morna. Misture todos os ingredientes uniformemente e, com o rosto já limpo e seco, aplique e deixe assim por cerca de 20 minutos. Para fazer a remoção da máscara, utilize um pedaço de algodão molhado no leite de rosas.

Esfoliante e hidratante caseiro

Ingredientes

1 embalagem de iogurte natural; 1 colher de sopa de fubá;

Modo de uso

Antes de mais nada, misture os ingredientes uniformemente em um recipiente. Em seguida, com o rosto já limpo, aplique a mistura com as mãos ou com um pedaço de algodão, fazendo movimentos circulares em toda a pele. Posteriormente, lave bem e enxugue o rosto, uma boa dica é usar uma máscara clareadora logo em seguida.

Produtos usados na remoção das manchas de espinhas

Produtos clareadores para a pele

Produtos clareadores para a pele

Area de Mulher
Fonte: Toda Mulher

Primordialmente, os tratamentos estéticos são realizados por dermatologistas que, além dos procedimentos, podem também indicar produtos para a remoção das marcas. Todavia, o uso desses produtos só pode ser feito com o acompanhamento de um dermatologista, pois a má manipulação destes pode acarretar em uma considerável piora das manchas na epiderme.

Aliás, o uso dos produtos deve também ser acompanhado de uma rotina intensiva de cuidados com a pele. Por exemplo, limpar, tonificar e hidratar o rosto devidamente, além de fazer uso diário do protetor solar.
Alguns dos produtos mais usados na despigmentação de manchas de espinhas são à base de:

Ácido glicólico: Tem ação clareadora, controla a oleosidade e fecha os poros dilatados, além de ser um produto comumente usado no peeling. Simultaneamente, clareando as manchas e evitando mais acne. Ácido salicílico: É um esfoliante que age renovando a camada superficial da pele e reduzindo as inflamações. Ácido kójico: Usado em tratamentos de longa duração, tem ação suave e despigmentadora. Tretionoína: Contém vitamina A e ajuda na prevenção de novas manchas. Hidroquinona: Um clareador potente, porém seu uso deve ser acompanhado do uso de protetor solar. Caso contrário, as marcas podem piorar. Hidratante: A hidratação da pele é essencial para evitar novas manchas e o agravamento das antigas.

Tratamentos estéticos para pele marcada

Trtamento estético para manchas de espinhas

Trtamento estético para manchas de espinhas

Area de Mulher
Fonte: Clínica Bruno Vargas

Agora, os procedimentos estéticos são recomendados para casos de marcas mais escuras e antigas, que não podem ser tratadas com clareadores caseiros. O custo desse tipo de tratamento é maior, porém os resultados aparecem em menos tempo e são mais eficazes.

O tratamento é contínuo, todavia, o número de seções e a periodicidade destas deve ser consultado com o seu dermatologista para que se adeque ao seu caso. Entre os procedimentos mais usados na remoção de manchas de espinhas estão:

Laser e luz intensa pulsada: Sua ação intensa sobre os melanócitos uniformiza a pele, clareando as marcas. Peeling com ácidos: É feita uma aplicação de ácidos sobre a pele, que removem toda a camada superficial. Como resultado disso, uma nova camada, livre de marcas, vai sendo gradativamente formada. Dermaroller: É feito um microagulhamento usando agulhas pequenas que causam micro lesões na pele. Dessa forma, há uma estimulação para que uma nova camada se forme, removendo manchas de espinhas, cicatrizes e estimulando o colágeno. Microdermoabrasão: Um procedimento de esfoliação através de um suave lixamento da pele. Como resultado, ocorre a correção da camada superficial, eliminando marcas e cicatrizes.

Prevenção contra manchas de espinhas

Skincare para tratar manchas de espinhas

Skincare para tratar manchas de espinhas

Area de Mulher
Fonte: Fik Bella

De antemão, na prevenção de manchas de espinhas, é imprescindível uma rotina adequada de skincare e o uso diário de protetor solar. Isto porque o aspecto saudável e bonito da pele depende de uma boa hidratação e nutrição, somado a uma rotina alimentar saudável, rica em vitamina E e A.

Primeiramente, o protetor solar deve ser usado regularmente e sem falta. Mesmo dentro de casa ou em dias nublados, pois tanto as luzes quanto os raios solares podem causar manchas. Nesse sentido também, a hidratação da pele é indispensável, pois diminui o risco de surgimento de novas manchas e evita que as antigas piorem. Uma última dica é evitar, sempre, espremer cravos e espinhas, pois esse hábito é um dos principais causadores das manchas de espinhas.

Finalmente, o acompanhamento com o dermatologista no quesito de manchas na pele provenientes de espinhas deve ser uma prioridade. Pois, como mencionado anteriormente, o uso inadequado ou a má manipulação de produtos clareadores pode piorar a situação da pele. Portanto, não faça uso de nenhum produto sem orientação médica e lembre-se que a melhor opção é procurar um dermatologista.

Fonte: Tua Saúde, Tua Saúde, Derma Club, Garnier.

Imagens: Site RG, Toda Teen, Toda Mulher, Clínica Bruno Vargas, Fik Bella.

Essa matéria Manchas de espinhas – Como tratar e prevenção foi criada pelo site Área de Mulher.

Últimas