Low Poo e No Poo – O que é, para que serve, diferenças entre as técnicas

Se seu cabelo é muito oleoso ou muito ressecado, a técnica Low Poo pode ser uma boa opção. Mas qual a diferença entre ela e a No Pow?

Apesar de ser um termo em alta, muita gente ainda não sabe do que se trata a palavra low poo. Basicamente, traduzindo do inglês, “low” significa pouco, e, “poo”, vem de “shampoo”.

Portanto, low poo é uma técnica, que como o próprio nome diz, visa diminuir o uso de shampoo. Mas, calma, que mesmo com esta técnica os cabelos ficam limpos do mesmo jeito.

Aliás, ela pode ser bem mais benéfica que as outras técnicas de lavagem. Até porque o ponto mais positivo é o fato de substituir o shampoo comum pelos os shampoos sem sulfato. Ou seja, produtos livres desse agente altamente limpante, e bastante prejudicial à saúde dos fios, usado pela indústria dos cosméticos.

Sobretudo, este componente presente na maioria dos shampoos do mercado é bastante agressivo. Em suma, ele causa o ressecamento dos fios, pode causar alergias e assim por diante.

Assim sendo, a ideia do low poo é ser uma técnica de lavagem menos agressiva. Além do mais, ela visa garantir uma limpeza mais adequada junto com uma hidratação dos fios. E, para melhorar, usa produtos sem a adição de sulfato e outros agentes que podem degradar a saúde do couro cabeludo.

Tudo sobre low poo
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Hotel Vale das pedras

A princípio, essa técnica ficou mais conhecida após Lorraine Massey, fundadora da marca Deva Curl, sistematizar o “método da garota cacheada” e publicar no livro Curly Girl. Inclusive, caso tenha interesse em ler o livro, ele já foi traduzido para o português e recebeu como título “O manual da garota cacheada”.

Assim sendo, esse método não só se tornou muito conhecido como também é considerado o mais eficiente no assunto até hoje. Além do mais, é uma técnica bastante indicada para mulheres de cabelos cacheados, crespos, enrolados e encaracolados. Contudo, todos os tipos de cabelos podem se beneficiar da técnica.

Progesterona – Para que serve, onde é produzida e progestagênios × Cabelo liso x cabelo cacheado
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Dermatologia capilar

Basicamente, cabelos cacheados, devido à curvatura, recebem menos oleosidade natural nas pontas. Já, os cabelos lisos, o problema está na facilidade de distribuição da oleosidade natural do couro cabeludo até as pontas. E, apesar do grande incômodo que as lisas enfrentam, certamente, os shampoos comuns agredem muito mais os cabelos cacheados.

Aliás, um dos principais indícios da presença de sulfato no produto é sua capacidade de fazer espuma, sabia? Inclusive, a título de curiosidade, a presença da espuma do shampoo não é um indício de limpeza. Na verdade, o shampoo que não espumam, também chamados de liberados, limpam com tanta eficiência quanto os outros, com o bônus de não estragar a estrutura do fio e o couro cabeludo.

Ademais, outra das consequências do uso de sulfato é o chamado efeito rebote. Ou seja, por tirar a oleosidade natural dos fios, os cabelos oleosos ficaram ainda mais oleosos. Da mesma forma acontece com quem tem cabelo ressecado, intensificando ainda mais o ressecamento.

E quanto ao condicionador?
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Remédio caseiro

A princípio, o grande vilão da técnica é o shampoo. Porém, como de costume, na lavagem usamos shampoo e condicionador. Por isso, é importante ressaltarmos também algumas dicas estes últimos.

Basicamente, assim como os shampoos, os condicionadores comuns, também contém alguns componentes que degradam a saúde capilar. Como por exemplo, derivados de petróleo.

Sobretudo, estes componentes entram nas fórmulas por se tratarem de matéria-prima barata. Assim sendo, apesar de resultarem aparentemente em um cabelo com brilho e bastante sedoso, esses produtos são bem artificiais.

Em suma, esse tipo de produto encapa o cabelo com uma película impermeável. Assim, o fio encontra dificuldade para absorver outras substâncias necessárias. Portanto, o ressecamento que o sulfato causa não é reparado tão facilmente.

Logo, nossa dica é que, antes de comprar qualquer condicionador, você leia o rótulo e escolha aquele que não contenha derivados de petróleo. Isso, aliás, vem descrito nos ingredientes do produto.

No Poo X Low Poo
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Hydra cosméticos

Mas, Low Poo não é a única palavra na moda nesse universo. Você, certamente, já ouviu alguma coisa sobre a técnica No Poo.

Esta, por sua vez, consiste em uma forma de lavagem totalmente sem shampoo. Inclusive, traduzindo, “no poo”, significa “nenhum shampoo” em inglês.

Vale ressaltar que, normalmente, quem adere à técnica No Poo, adere também a técnica co-wash. Ou seja, a lavagem só com condicionador sem derivados de petróleo e sem silicone.

Sobretudo, ambas as técnicas são métodos de lavagem capilar, que propõem cuidar dos cabelos de uma forma bem menos agressiva. Porém, a técnica No poo dispensa totalmente qualquer substância química.

Basicamente, ele dispensa os surfactantes, que são substâncias que impedem as moléculas de aderirem as propriedades superficiais e interfaciais de um líquido. Além disso, dispensa os silicones, como já mencionamos, a parafina líquida e qualquer derivado de petróleo.

Ou seja, a técnica low poo, de certo modo, é mais flexível. Até porque, ela tolera agentes mais leves como, por exemplo, silicones solúveis e insolúveis. Porém, se você sentir que seus fios estão ficando muito pesados, indicamos que você reduza o uso.

Dúvidas frequentes 1- Toda vez que for lavar o cabelo precisa usar shampoo sem sulfato + condicionador co-wash?
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Womens Health Brasil

Certamente, não. Na verdade, você tem inúmeras opções. A primeira é usar shampoo sem sulfato + condicionador. Basicamente, essa opção é a mais fácil e também a mais indicada. Assim sendo, ela deve ser feita pelo menos 1 vez por semana.

A segunda opção é você usar shampoo sem sulfato + condicionador com função co-wash. Como por exemplo, o Yamasterol amarelinho. Mas, lembre- se, não se aplica ele na raiz. E a terceira opção é usar condicionador co-wash + outro condicionador para low poo.

2- Como usar os produtos depois que começar o Low Poo? Qual é a ordem?
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Ecycle

A ordem é mais ou menos aquela que vocês já conhecem. Basicamente, no dia de lavar, você precisa aplicar o shampoo no couro cabeludo e esfregar bem. Mas, lembre-se nunca esfregue com as unhas. Assim sendo, quando estiver prestes a enxaguar puxe o shampoo em direção às pontas. Feito isso, enxague.

Caso você queira aplicar uma máscara, aplique depois de lavar o cabelo com shampoo. Em seguida, aplique a máscara no comprimento e nas pontas, deixe agir conforme o tempo indicado na embalagem, e enxague. Logo depois, passe o condicionador nas pontas e no comprimento. Assim sendo, deixe agir e enxague.

Após fazer tudo isso, seu cabelo estará pronto para finalizar. Assim sendo, você pode escolher entre o creme, gel, mousse ou leave-in. Inclusive, nossas principais recomendações são: primeiro, no momento de secar, não esfregue o cabelo com a toalha, e faça movimentos suaves. Além do mais, use de preferência algum tecido de algodão.

Segundo, aplique seu produto para finalizar como de costume. Caso não aplique nenhuma máscara, a ordem é lavar com shampoo e enxaguar, aplicar condicionador e enxaguar, depois finalizar. Mas, de modo geral, faça testes e use aquele que mais deixou o seu cabelo sedoso.

3- E se for pintar/tonalizar o cabelo?
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Cláudia.Abril

Mesmo esquema. Primeiro, você precisa checar se a composição do produto é liberado. Caso você não encontre nenhum dos componentes evitados nessa rotina, aí pode usar. Agora, se você encontrar algum componente “proibido” e mesmo assim você gostar do produto, ou se não tiver opções, use.

Logo após, realizar o processo, lave mais uma vez o seu cabelo com shampoo com sulfato e depois volte para sua rotina Low Poo normal.

Principais dicas
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Contexto exato

A princípio, indicamos que você sempre cheque o rótulo do seu produto. E claro, verifique quais componentes fazem mal e quais não fazem mal para a saúde das suas madeixas. E lembre-se exclua os derivados de petróleo e os componentes com sulfato.

Além do mais, antes de fazer qualquer técnica é interessante pesquisar o seu histórico, caso tenha alergias com facilidade, ou histórico de dermatites nós indicamos que faça o teste primeiro e procure por orientação médica antes de começar qualquer tipo de técnica capilar.

Outra dica, que inclusive, consideramos muito importante, é para que antes de você começar a usar a técnica low poo, nós indicamos que você lave o seu cabelo uma última vez com um shampoo com sulfato. Basicamente, o shampoo com sulfato é o único capaz de limpar esse composto, por isso é necessário esse procedimento.

Aliás, não se estranhe no início. Pois, o aspecto do seu cabelo pode sim parecer ter piorado. Porém, na verdade esse aspecto era a real condição em que ele estava. Mas como o silicone conseguia disfarçar com brilho impermeável, você não percebia. Portanto, fique tranquila pois, com os cuidados certos, suas madeixas irão se renovar.

A saúde e o meio ambiente
Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Low poo- O que é, consequências + diferenças entre no e low poo

Area de Mulher
Fonte: Bothânico hair

Aliás, você sabia que os produtos derivados de petróleo não só destroem o seu cabelo, como também trazem consequências ruins para a saúde humana e para o meio ambiente? Basicamente, esses produtos são venenos pois, eles não hidratam e ainda trazem malefícios.

Inclusive, algumas das substâncias, como por exemplo, os que possuem derivados de petróleo contém função detergente. Assim sendo, como os shampoos e os condicionadores são despejados em rios e corpos d’água, após percorrerem tubulações de esgoto, podem provocar a eutrofização.

Basicamente, a eutrofização é o aumento de matéria orgânica na superfície. Sobretudo, ela impede a passagem da luz solar em tais locais, o que infelizmente prejudica a fauna e toda a biodiversidade aquática.

Enfim, o que achou da nossa matéria?

Vem conferir mais matérias do Área de Mulher: Day after, como fazer com que os cachos durem mais tempo?

Fontes: Cacheia, M de mulher, Ecycle

Imagem de destaque: Mulher

Essa matéria Low Poo e No Poo – O que é, para que serve, diferenças entre as técnicas foi criada pelo site Área de Mulher.