Área de Mulher Cabelo caindo – Possíveis causas da queda de cabelo e tratamentos

Cabelo caindo – Possíveis causas da queda de cabelo e tratamentos

Cabelo caindo é algo completamente normal e acontece com todo mundo, contudo, se a queda for exagerada pode ser um sinal de algum problema. Essa matéria Cabelo caindo – Possíveis causas da queda de cabelo e tratamentos foi criada pelo site Área de Mulher.

Area de Mulher

Ao lavar ou pentear o cabelo é totalmente normal sair alguns fios no pente ou na mão. Segundo estudos sobre o tema, uma pessoa perde cerca 100 fios de cabelo diariamente. Sendo assim, um número considerado regular, já que isso faz parte do ciclo de crescimento do cabelo e a queda é algo natural. No entanto, cabelo caindo além disso pode ser um sinal de que algo não está bem com a sua estrutura capilar.

Desse modo, a queda de cabelo pode ser causada por vários motivos e ser um motivo de preocupação de muitas pessoas, já que pode levar a calvície. Entre os principais fatores que influenciam na queda do cabelo, podemos citar problemas de higiene capilar, deficiência de vitaminas, químicas muito agressivas, caspas, problemas hormonais, estresse entre outros.

Portanto, hoje iremos entender melhor as possíveis causas do cabelo caindo e o que fazer para aliviar o problema.

Causas do cabelo caindo

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
Vix

Como dito anteriormente, vários fatores podem afetar a saúde capilar, levando à queda de cabelo. É importante frisar que isso pode ser relacionado a problemas pontuais, como pós-cirurgia, gestação, febre e infecções ou tratamentos de saúde, como quimioterapia, por exemplo.

Também procedimentos químicos, como alisamento e tintura que influenciam na queda de cabelo, bem como a falta de vitaminas no organismo. Assim como alterações hormonais, uso excessivo de secador e chapinha, tabagismo e consumo de bebidas alcoólicas. Tudo isso faz com que o cabelo fique fragilizado e quebradiço, influenciando na queda dos fios.

Mas além disso, pode ser um indicativo de problemas de saúde ou cuidados com o cabelo e couro cabeludo. Sendo assim, vejamos a seguir as principais causas de cabelo caindo:

Remédios e antidepressivos

Medicamentos classificados como antidepressivos, anticoagulantes ou remédios para pressão podem ter entre os efeitos colaterais, a queda de cabelo. Isso é mais comum no início do tratamento ou após longos períodos ingerindo o remédio. Portanto, se suspeitar que o cabelo caindo seja devido a algum medicamento, o recomendado é informar o médico, para avaliar a possibilidade de troca do remédio.

Anemia

Anemia pode ter vários sintomas, além de cansaço excessivo, sono e palidez, a queda de cabelo. Isso porque os fios recebem menos sangue, nutrientes e oxigênio, consequentemente ficando mais fracos e quebradiços. Na maioria dos casos, a anemia é resultado da falta de ferro no organismo, mas também pode ser a diminuição de vitamina B12. Sendo assim, tratamento para ambos os problemas é suplementação dos nutrientes em falta, por meio da alimentação.

Picos de estresse

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
Tua Saúde

O estresse excessivo faz mal para todo o organismo, sendo inclusive uma das causas mais comuns da queda de cabelo. Após picos de estresse, é comum que haja uma mudança no ciclo dos fios, fazendo com que eles caiam. Além disso, em casos em que o estresse não é a principal causa do cabelo caindo, ele pode piorar a queda que já existia por outro motivo.

Portanto, em todo caso, o ideal é procurar formas de aliviar o estresse, diminuindo a carga de estresse, fazendo atividades prazerosas e não simplesmente tratar a queda de cabelo. Até porque, se não cuidar da saúde mental, esse problema persistirá mesmo com um tratamento.

Excesso de vitamina A ou B

Apesar de ser muito raro, o excesso de vitaminas A ou do complexo B no organismo podem sim levar a queda de cabelo. Mas, as chances de isso acontecer são maiores em pessoas que estão tomando suplementos com essas vitaminas por um longo período de tempo. Nesse caso, o recomendado é tomar suplementação apenas com recomendação médica, para evitar ultrapassar as doses de vitaminas indicadas para cada paciente. Caso ultrapasse o limite, a recomendação é parar com a suplementação.

Cabelo caindo na gravidez

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
CB

A gravidez pode ocasionar a queda de cabelo pontual. Isso é bastante comum em mulheres logo após o parto, tanto por uma alteração hormonal, como pelo estresse do parto. Então, normalmente a queda de cabelo aparece nos primeiros três meses após o parto e pode durar até 2 meses. Sendo assim, por se tratar de um processo natural, irá melhor com o tempo, o que se pode fazer é tomar medidas para evitar ficar estressada constantemente.

Alterações hormonais

Além do período gestacional e pós, as alterações hormonais estão atreladas a queda de cabelo e podem ocorrer em várias fases da vida, principalmente durante a adolescência. Isso também pode ocorrer quando mulheres mudam de anticoncepcional, ocasionando uma queda de cabelo temporária. Então, se a queda for muito intensa, o recomendado é consultar um dermatologista. E caso esteja tomando anticoncepcional, falar com o ginecologista sobre a possibilidade de trocar o método.

Hipotireoidismo

O hipotireoidismo é resultado do mal funcionamento da glândula da tireoide, que compromete a produção de vários hormônios, muitos deles importantes para o crescimento dos fios. Sendo assim, a falta desses hormônios pode causar a queda dos fios. Portanto, se suspeitar de alguma mudança no funcionamento da tireoide é muito importante procurar um endocrinologista, para obter um diagnóstico e começar o tratamento adequado.

Cabelo caindo: cuidados

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
Lifestyele ao Minuto

Como vimos, o cabelo caindo pode ser causado por vários fatores. Contudo, independentemente da causa, alguns cuidados devem ser tomados para cuidar da saúde capilar e diminuir a queda de cabelo.

O ideal é manter os fios sempre fortalecidos e saudáveis, usando produtos com ação antiqueda e fortalecedores. Bem como manter os fios sempre limpos e livres de caspa. E claro, ter uma alimentação saudável, rica em vitaminas, minerais e proteínas, que são fundamentais para a saúde dos fios.

Mas além disso, esses outros cuidados podem fazer toda a diferença para a saúde do cabelo:

Lavar o cabelo regularmente

Ficar longos períodos sem lavar os fios não ajuda com o problema. Além de deixar o fio opaco e poroso, o couro cabeludo sujo pelo acumulo de sebo e resíduos, podendo causar  a dermatite seborreica, conhecida como caspa. Essa que também um dos fatores que provoca a queda de cabelo. Portanto, um dos cuidados essenciais com os fios é fazer uma lavagem regular, em dias alternados e usando produtos específicos para a queda de cabelo. Além disso, uma esfoliação do couro cabeludo uma vez por semana também pode ajudar com o problema.

Dar uma pausa nos procedimentos químicos

Químicas no cabelo podem deixar os fios mais frágeis e levar à queda. Portanto, se você tem o costume de fazer procedimentos de alisamento, coloração e outras químicas com muita frequência, o recomendado é dar um intervalo entre um procedimento e outro. Além disso, uma semana antes, fazer uma hidratação profunda no cabelo para amenizar os danos da química.

Evite prender o cabelo todos os dias ou fazer penteados muito apertados

Penteados muito apertados podem acabar causando alopecia de tração, e isso pode repercutir na saúde capilar. Isso porque os fios perdem elasticidade e acabam se rompendo com mais facilidade. Bem como acontece com quem faz tranças, megahair ou ficam com o cabelo preso por muito tempo. Tente deixar o cabelo mais solto e livro por algum tempo.

Cabelo caindo: tratamentos

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
Youtube

Para tratar a queda de cabelo, a pessoa pode usar produtos específicos para isso, como remédios, shampoos e loções.  Contudo, se apenas isso não funcionar, existem ainda alguns tratamentos que podem ser recomendados por um dermatologista para lidar com o problema. Entre os principais tratamentos médicos para a queda de cabelo estão:

Laser de baixa potência: o procedimento estimula a regeneração da matriz que perdeu o cabelo e impede que o cabelo saudável caia. A aplicação do laser deve ser feita uma vez por semana, por um período mínimo de 10 semanas para um resultado eficaz contra a queda dos fios. Carboxiterapia: a técnica aumenta a irrigação sanguínea da região do couro cabeludo e favorece a penetração de remédios para a queda de cabelo. Implante capilar: consiste em uma técnica cirúrgica para implantar fios de cabelo diretamente no couro cabeludo. Transplante capilar: esse método retira uma faixa de cabelo da parte de trás da cabeça e a implanta na região frontal ou onde tiver mais necessidade. No entanto, essa opção é recomendada apenas para pessoas que estão ficando calvas.

Lembrando, que antes de optar por qualquer um desses tratamentos é importante consultar um dermatologista para avaliar a necessidade ou não.

Enfim, o que você achou dessa matéria? Aliás, aproveite para conferir também Shampoos antiqueda – Como escolher o melhor contra a queda de cabelo? 

Fontes: Derma Club ADCOS Tua Saúde 

Imagens: Ana Maria Braga Vix Tua Saúde CB Lifestyele ao Minuto YouTube 

Essa matéria Cabelo caindo – Possíveis causas da queda de cabelo e tratamentos foi criada pelo site Área de Mulher.

Últimas