Ácido glicólico – O que é, como usar, indicações e contraindicações

Em primeiro lugar, o ácido glicólico é um produto multifuncional que previne os principais sinais de envelhecimento. Como rugas, linhas de expressão, manchas e perda de viço na pele. Além disso, controla o excesso de oleosidade e acne na pele. É um alfa-hidroxiácido, que é obtido da cana de açúcar e outros vegetais doces. Isto […]

Em primeiro lugar, o ácido glicólico é um produto multifuncional que previne os principais sinais de envelhecimento. Como rugas, linhas de expressão, manchas e perda de viço na pele. Além disso, controla o excesso de oleosidade e acne na pele.

É um alfa-hidroxiácido, que é obtido da cana de açúcar e outros vegetais doces. Isto é, ele faz uma leve esfoliação na pele, removendo células mortas. Além de estimular o colágeno, reduzir rugas finas, controlar a oleosidade e clarear a pele. Isso faz com que ele previna e corrija sinais de envelhecimento, proporcionando luminosidade e viço para a pele.

É da mesma família dos ácidos láticos, isto é, é conhecido por facilitar a penetração de substâncias na pele. Possui também, radicais livres, auxilando na formação de colágeno. Por analogia, é um esfoliante mais agressivo, indicado para peles mais resistentes e mais claras. Também é conhecido como ácido hidroxiacético.

Função na pele e indicações de ácido glicólico

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Area de Mulher
Imagem: Patricinha esperta

O ácido glicólico tem a função de promover a descamação, fazendo assim, que a pele seja renovada. Ele diminui a espessura da pele, melhorando manchas, cicatrizes, além de fechar poros e melhorar acne. Pode ser aplicado tanto no rosto quanto no corpo. É menos irritante que o ácido retinoico.

Em suma, ele também aumenta a absorção de outros ativos associados na composição. Na rosácea, por causa da ação estimuladora de colágeno e espessamento dérmico secundário, ele possibilita vaso compressão, o que melhora a vermelhidão.

Pode ser usado em qualquer parte do corpo, não apenas no rosto, tendo apenas que ficar atento para as áreas mais sensíveis, tendo que utilizar concentrações menores.

Booster – O que é, como usar, tipos e nomes de cosméticos

×

Benefícios

Ele minimiza rugas e linhas de expressão; promove luminosidade; clareia manchas de pele; controla a oleosidade e remove lesões de acne e espinhas.

Ele acelera a renovação celular, desse modo, ajuda a tratar sinais de envelhecimento precoce e favorece o rejuvenescimento da pele. Além de melhorar textura. Ele traz mais radiância e maciez e textura sedosa pra pele.

Como usar

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Area de Mulher
Imagem: Buenos Ayres

É encontrado em concentrações de 2% a 10%, desde que, seja preparado em formulações manipuladas nas diversas concentrações. Quando utilizado em peelings, deve ter pH mais alto, tendo que ser utilizado por profissionais. É recomendado que que tenha um valor de pH mínimo de 3,5 e com concentração de, no máximo, 10%. O uso de cremes deve ser feito com acompanhamento médico.

Ele pode ser usado durante o dia e no verão, por não ser fotossensibilizante. Em casa, como resultado, deixe agir por duas ou três horas.

Peelings

Em resumo, peelings devem agir na pele entre 15 e 20 minutos num consultório médico. Cada sessão dura em torno de 45 minutos a uma hora. O número de sessões necessárias vai depender do foco do tratamento. Depois disso, a manutenção é feito com o creme em casa.

Dicas

Embora seja um ácido tolerável, deve ser aplicado com cautela, principalmente em caso de pele sensível, o que pode acabar gerando vermelhidão e ardência. Consulte o dermatologista antes de inseri-lo na rotina de cuidados.

Com o efeito de melhorar a qualidade da epiderme e colágeno. É um ótimo aliado no tratamento contra as rugas.

Incluindo o ácido glicólico na rotina de cuidados da pele

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Area de Mulher
Imagem: Ac Farma

Assim que consultar um dermatologista e saber qual a melhor concentração do ácido, ele pode ser usado de forma isolada ou com outros ativos na mesma fórmula, potencializando a sua ação.

Pela manhã, lave seu rosto com um sabonete em barra ou gel específico de limpeza, aplique um antioxidante em sérum, já que possuem rápida absorção e contribuem para a proteção antioxidante da pele. A vitamina C também estimula o colágeno e contribui para o clarear da pele.

Com o rosto seco, aplique o ácido glicólico, priorize regiões manchadas, com acnes e rugas. Em seguida, aplique o filtro solar com um fator maior de 50. Ele protege contra danos solares, reduzindo a sensibilidade da pele.

De noite, lave seu rosto normalmente, remova o excesso de resíduos com uma solução anti oleosidade e aplique o ácido logo depois.

Cuidados

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Area de Mulher
Imagem: Ritual oficial

Este ácido não pode ser usado sem prescrição médica. Embora, antes de fazer o peeling, a pele deve estar limpa e sem gordura. O mesmo para cremes, que devem ser utilizados depois de lavar o rosto, mas com ele seco, absorve melhor o produto.

Portanto, não se depile dois dias antes de usar, não esfolie ela e nem tenha feito nenhum procedimento mais agressivo. Após seu uso, é ideal que não se exponha ao sol sem se proteger de forma adequada, caso contrário, pode até piorar seu quadro.

Contraindicações

Ele não deve ser utilizado sobre pele inflamada, eczematosa ou com queimaduras do sol. Quem tem infecções ativas na pele, como herpes ou infecções causadas por bactérias, além de ter pele sensível, também é contraindicado. Se você se expõe ao sol regularmente, como praticadora de esportes, ou que viaja muito ou trabalha ao ar livre, também não é indicado.

Pessoas que tem pele negra devem tomar cuidado, pois podem gerar efeito rebote de hiperpigmentação, manchando a pele. Grávidas também não podem usar.

Antes e depois

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Ácido glicólico - o que é, como usar e indicações

Area de Mulher
Imagem: Beleza today

Por fim, os resultados são variáveis e dependem da concentração de ácido aplicada, do tempo de permanência e das características de pele de cada um. Geralmente, os resultado são notados a partir do segundo mês de uso. Quando feito em forma de peeling, os resultando começam a aparecer de semanas. Princípios e procedimentos podem ser associados ao tratamento, potencializando os resultados.

E então? Gostou da matéria? Confira também: Ácido salicílico – O que é, como usar e contraindicações

Fontes: Dermaclub, Minha vida, Loja ADCOS

Imagem de destaque: AC Farma

Essa matéria Ácido glicólico – O que é, como usar, indicações e contraindicações foi criada pelo site Área de Mulher.