4 dicas para manter o rosto jovem e bonito

Dermatologistas explicam que a prevenção deve começar cedo

Alto Astral
4 dicas para manter o rosto jovem e bonito

4 dicas para manter o rosto jovem e bonito

Alto Astral

Quando o assunto é beleza, um dos maiores desejos das mulheres seria, sem dúvidas, que a fonte da juventude fosse inventada! Lidar com o envelhecimento da pele pode ser bastante problemático para algumas pessoas, podendo afetar ainda a autoestima. 

Embora falemos de um processo natural da vida e que deve auxiliar no trabalho da autoaceitação, é completamente normal querer ser sempre a sua melhor versão e buscar por melhorias que te deixem mais feliz. 

Sendo assim — e considerando o "boom" do skincare nos últimos anos — vale pensar em formas de prevenção e tratamento desde jovem, que mantenham a pele bonita e saudável em todas as faixas etárias. 

Desse modo, consultamos alguns profissionais e especialistas em pele e beleza e reunimos 4 dicas valiosas para rejuvenescer a cútis!

1 - Menos é mais

Quantidade não significa qualidade e é bom ter isso em mente na hora do skincare! Usar muitos produtos na intenção de obter mais resultados, pode acabar prejudicando a pele e causando o efeito inverso ao desejado.

"A pele responde bem a um tratamento direcionado e não a um volume muito grande de produtos aleatórios aplicados sem orientação", afirma a dermatologista Paola Pomerantzeff. Assim, ela simplifica os cuidados mantendo apenas o essencial: lavar, hidratar e proteger pela manhã; limpar, hidratar novamente e tratar à noite — aqui, vale entrar com os produtos anti-idade. 

2 - Reforce a ação antioxidante e protetora

Os famosos antioxidantes, além de tratar manchas, ainda potencializam a ação do filtro solar, por isso, é recomendado usá-los antes da aplicação do protetor pela manhã. A chave, portanto, é investir em produtos que conversem com as necessidades específicas da sua pele e não usar vários.

3 - Acelere a renovação da pele

"Os retinoides são o que chamamos de ‘padrão ouro’ para renovar a pele e reduzir as rugas em casa. Eles são derivados da vitamina A, então estimulam a renovação celular e aumentam a produção de colágeno, reduzindo assim o aparecimento das linhas", assegura a médica pós-graduada em dermatologia e especialista em medicina estética Roberta Padovan.

Apesar de saber que essa fórmula age perfeitamente contra o envelhecimento, a especialista ressalta a importância de procurar um médico para receber as orientações corretas tanto sobre o uso, quanto para indicar o melhor produto. 

4 - Procedimentos estéticos

Quando os sinais de fato aparecem o tratamento poderá retardar seu avanço ou até suavizar as marcas, no entanto, produtos tópicos usados de maneira isolada não trarão grandes mudanças à aparência atual. Dessa forma, dependendo da intensidade de cada caso, vale pensar em procedimentos estéticos.

"Uma maneira efetivas de tratar com suavidade e naturalidade é por meio do Microbotox, que consiste na aplicação de micro-doses de toxina botulínica sob a superfície da pele para prevenir e suavizar linhas de expressão e melhorar a textura sem aquele aspecto exagerado ou artificial", explica a cirurgiã plástica Beatriz Lassance. 

Fontes: Paola Pomerantzeff, dermatologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD); Roberta Padovan, médica pós-graduada em dermatologia e especialista em medicina estética; Beatriz Lassance, cirurgiã plástica.

Últimas