ÁREA DE MULHER O que não comer na gravidez? 13 alimentos que precisam ser evitados

O que não comer na gravidez? 13 alimentos que precisam ser evitados

Não comer alguns alimentos durante a gravidez pode ser um sacrifício para a mulher, mas evitam diversos problemas e doenças para o bebê. Essa matéria O que não comer na gravidez? 13 alimentos que precisam ser evitados foi criada pelo site Área de Mulher.

Area de Mulher

A descoberta de uma gravidez é sempre uma grande surpresa cheia de emoções e conhecimentos com uma nova fase da vida. Contudo, desenvolver um bebê dentro de si mesma é uma tarefa muito importante na vida de uma mulher, pois envolve cuidados essenciais para que a vida do feto seja preservada. Com isso, temos que não comer alguns alimentos durante a gravidez pode ser um sacrifício, mas também um ato de amor e cuidado, pois algumas substâncias podem ser extremamente prejudiciais para a criança que está vindo.

Durante a gravidez, o sistema imunológico de uma grávida deve ser preservado e não atiçado. Sendo assim, a escolha dos alimentos certos para serem ingeridos é uma importante missão na vida de uma mulher. Diversas comidas contém substâncias tóxicas, além de poderem conter micro-organismos que afetam o bebê, podendo levar ele a morte.

Álcool, carnes cruas, frutos do mar e diversos outros alimentos devem ser evitados, a fim de se conduzir uma gravidez saudável e longe de complicações. Certifique-se de sempre olhar rótulos de embalagens, evitar comidas cruas, não ingerir alimentos mal lavados e sempre estar atento às tentações, pois elas podem te cegar na hora de escolher uma comida para saborear.

13 alimentos para não comer durante a gravidez

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

Area de Mulher
Grão de Gente

1. Bebidas alcoólicas

Não se deve ingerir bebidas alcoólicas estando grávida, pois o álcool se acumula no organismo do feto, e ele não consegue eliminá-lo. Como resultado, pode ocorrer um parto prematuro, atraso no crescimento e até mesmo malformações cardíacas no bebê.

2. Carnes cruas

Comer carne crua em qualquer situação não é nada saldável, mas estando na gravidez é pior ainda. Peixes crus, carnes vermelhas e carnes brancas, quando não cozidas totalmente, podem conter bactérias que causam várias doenças. Dentre os males estão a bactéria listeria, doença cisticercose, samonela, entre várias outras doenças.

3. Ovos crus

Mulheres grávidas precisam evitar ao máximo comer ovos crus, pois podem causar diarreias, vômitos, febre e até morte, por conta da bactéria salmonella, que pode estar presente no alimento cru. Além disso, mulheres na gravidez também precisam evitar alimentos que contenham ovos crus em suas composições, como creme holandês, maionese, gemada, entre outros.

4. Não comer na gravidez: Leite não pasteurizado

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

Area de Mulher
Biologicus

Os leites que vem direto da fazenda precisam ser evitados pelas mulheres gestantes, isso se dá porque o líquido contém muitas bactérias que podem causar infecções e diarreias. Portanto, é melhor preferir leites pasteurizados ou leites UHTs, que passam por processos em altas temperaturas que eliminam as bactérias.

5. Queijos pastosos e não pasteurizados

Os queijos maduros ou não pasteurizados não são nada indicados para grávidas comerem, por poderem conter a bactéria listeria, podendo ser extremamente prejudicial para o feto. Evite queijos brie, camembert, gorgonzola, danish blue, cottage, ricotta, entre outros da classe. A listeria é uma bactéria forte que pode causar a morte do bebê.

6. Alimentos e bebidas com cafeína

Consumir café ou produtos com cafeína em excesso durante a gravidez pode causar abortos, portanto, grávidas não podem comer exageradamente esses alimentos. O indicado é que no máximo 300mg de café sejam consumidas por dia, podendo ser de 2 a 3 xícaras da bebida. Vale ressaltar que refrigerantes, energéticos, chás, entre outras bebidas com cafeína precisam ser evitadas, pois o excesso da substância pode causar abortos, além de poderem provocar taquicardia no bebê.

7. Não comer na gravidez: Frutas e vegetais crus ou mal lavados

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

Area de Mulher
Sou Mamãe

As frutas, legumes e vegetais precisam ser minuciosamente lavados antes de consumidos, pois podem conter várias bactérias que prejudicam o organismo da gestante e do bebê, podendo levar a mal formações e morte. Ao comer fora de casa, mulheres estando em gravidez devem evitar comer estes alimentos para não haver problemas. O risco de toxoplasmose, um parasita que contamina o solo, também é maior ao consumir produtos agrícolas não lavados direito.

8. Atum em lata

Peixes enlatados como atum, cavala, peixe-espada, sardinha, cação e garoupa, não são uma boa pedida para mulheres grávidas. Sendo assim, esses peixes contém níveis elevados de mercúrio, um metal que pode prejudicar o sistema nervoso do feto.

9. Frutos do mar

Os alimentos que vem do mar, se não preparados de forma correta, podem ser bastante prejudiciais para o feto. Os peixes de rios também precisam ser evitados, pois contem alto teor de mercúrio. Caso seja ingerido em excesso, alimentos com mercúrio podem causar danos cerebrais, tremores, aborto espontâneo e problemas no desenvolvimento do feto. Ou seja, é melhor não comer frutos do mar durante a gravidez.

10. Não comer na gravidez: Adoçantes e açúcar em excesso

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

O que não comer na gravidez — 13 alimentos que precisam ser evitados

Area de Mulher
Baby Space

Sabemos que grávidas podem ter desejos repentinos de doces que não dá para controlar, mas é preciso estar em alerta quanto a quantidade do consumo de açúcar e adoçantes. É bom prestar atenção nos rótulos dos alimentos, pois sucralose e stévia devem ser eliminados da alimentação de uma gestante.

Vale lembrar também que sacarina e aspartame provocam má formação fetal, pois eles são teratogênicos, uma substância que altera a célula fetal. Por fim, prefira adoçantes naturais, pois estes são mais seguros para o bebê.

11. Sal em excesso

Mulheres com hipertensão devem ficar mais ainda atentas ao consumir alimentos com alto teor de sódio ou conservados no sal. Ao comer estes alimentos em grandes quantidades, pode ocorrer retenção de líquidos, inchaço e ainda agravar a hipertensão durante a gravidez.

12. Patê

Os patês de fígado são os que as grávidas devem ficar ainda mais longe. Esse alimento contém muita vitamina A, o que não é interessante para o desenvolvimento do feto.

13. Canela

Apesar de muitos mitos existirem a cerca da canela gerar aborto, não existem estudos que comprovem tal fato. Porém, os especialistas não indicam o consumo durante a gravidez.

Fontes: Huggies, Tua Saúde, Pais e Filhos.

Imagens: Estilo Saudável, Grão de Gente, Biologicus, Sou Mamãe, Baby Space.

Essa matéria O que não comer na gravidez? 13 alimentos que precisam ser evitados foi criada pelo site Área de Mulher.

Últimas