Edamame, o que é? Benefícios, como consumir e preparar

O edamame é um vegetal muito nutritivo. Embora comum em pratos de origem asiática, esse alimento vem conquistando cada vez mais brasileiros.

Você conhece ou já ouviu falar sobre edamame? Esse vegetal, que até pouco tempo atrás era pouco conhecido pelos brasileiros, está ficando cada vez mais popular por aqui, e não só entre os asiáticos. O edamame, na verdade, é a soja verde, aquela que ainda não amadureceu.

O vegetal, em forma de vagens verdes, é um alimento altamente nutritivo e muito gostoso. Além de muito saudável, também pode incrementar vários pratos e servir até como aperitivo.

Edamame, em tradução livre, significa “ramo de feijão”, que se refere aos grãos de soja ainda verdes que ficam dentro da vagem. É um alimento rico em proteínas e carboidratos, que possui altas quantidades de ômega 3, ácido fólico e vitamina K. Muito consumido em países asiáticos, essa iguaria tem ganhado cada vez mais adeptos no Brasil. Mesmo em pratos que não são originais do continente asiático.

Sendo assim, hoje iremos conhecer mais sobre o edamame, suas propriedades, benefícios e forma de preparo.

O que é edamame

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Area de Mulher
ANJ

Como dito anteriormente, o edamame é a soja ainda imatura. Sendo assim, possui os mesmos benefícios da soja, os carboidratos, proteínas, fibras, vitaminas, minerais e isoflavonas. Porém, por estar verde, o edamame tem a vantagem de ser menos calórico.

A origem do edamame ocorreu no ano de 200 a.C., na China. Já no Japão, o vegetal com aparência de ervilhas e cor verde, se popularizou por volta do ano de 1.275. O alimento também é muito presente na culinária coreana, porém, lá o vegetal é chamado de “kong”, como a maioria dos grãos.

Nos Estados Unidos, o consumo de edamame é muito comum. Por lá, o vegetal é definido como grão de soja. Devido a sua textura macia e sabor suave, o edamame pode ser consumido ainda fresco, logo após ser colhido ainda verde.

No Brasil, apesar de ser o segundo maior produtor de soja do mundo, o consumo desse vegetal ainda é muito baixo. O seu sabor peculiar ainda não caiu no gosto de todos os brasileiros, mas vem conquistando cada vez mais apreciadores. Tanto que já é possível encontrar o vegetal em feiras e supermercados comuns, tanto na versão fresca, quanto congelada.

Como fazer chocolate quente – 17 receitas incríveis para turbinar a bebida

×

Benefícios do edamame

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Area de Mulher
Dr. Rondo

Os benefícios deses alimento incluem:

Ameniza os sintomas da menopausa: assim como soja madura, o edamame também conta com propriedades bioativas. Portanto, é um alimento muito eficaz no tratamento dos sintomas da menopausa.

Fonte de vitaminas: o edamame é um alimento rico em diversos tipos de vitamina, como a A, B e C. Além disso, possui possui alta concentração de minerais nutritivos, como cálcio, fósforo, potássio, saponinas e ácido fítico.

Pouco calórico: o vegetal possui baixas calorias, tendo cerca de 120 kcal a cada 100 gramas. Sendo assim, se torna um ótimo aliado para quem procura emagrecer, e precisa de energia para manter uma prática regular de exercícios físicos. Além de acelerar o metabolismo.

Bom para a visão: por ser uma fonte de vitamina A, o consumo regular do vegetal ajuda a melhorar a saúde dos olhos.

Ajuda a regular o intestino: rico em fibras, o edamame contribui para a regulação da função intestinal. Além disso, ajuda a melhorar a absorção de ferro, zinco, magnésio e cálcio.

Ajuda a equilibrar o colesterol: por ter muita gordura poli-insatura em sua composição, o edamame ajuda a reduzir os níveis de colesterol ruim. E mais do que isso, ainda ajuda na regulação da pressão arterial, prevenindo o surgimento de doenças cardiovasculares.

Combate ao câncer: o edamame é um alimento rico em antioxidantes, o que ajuda a inibir o desenvolvimento de células cancerígenas. Inclusive, algumas pesquisas já mostram que o consumo desse vegetal pode diminuir a incidência de câncer de mama em até 25%.

Tratamento da depressão: já falamos aqui sobre o ácido fólico e como ele pode ajudar no tratamento da depressão. O edamame contém altas quantidades desse ácido, com isso, ajuda a evitar a formação de homocisteína, uma substância que inibe a produção de serotonina e dopamina.

Como consumir edamame

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Area de Mulher
Hey Nutriotion Lady

Então, agora que você já conhece os vários benefícios desse alimento, vamos conhecer as formas de consumi-lo.

O jeito mais fácil e também mais comum de comer edamame é fervendo ele em uma panela com sal por 5 minutos. Também é possível cozinhá-lo no vapor. O sal pode ser adicionado tanto durante o cozimento quanto depois de pronto, isso é opcional.

O edamame também pode ser consumido como aperitivo, um muito saudável por sinal. Para isso, retire os grãos da vagem e tempere antes de servir.

Mas além disso, esse alimento é muito versátil e pode ser adicionado a diversas receitas. Tais como patês, molhos, saladas, junto com arroz ou outra comida. Então, só precisa retirar os grãos da vagem, cozinhá-los e usá-los para incrementar vários pratos.

Como preparar edamame

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Area de Mulher
Delish

No Japão, o edamame é feito de uma forma bastante tradicional. Sendo assim, para fazer o edamame como lá, você terá que limpar as vagens, lavar e escorrer e depois temperar com sal. Em seguida, em uma frigideira com tampa, em fogo baixo, adicione o edamame e deixe cozinhar com por 3 minutos até que toda a água evapore. E então, adicione mais um pouco de água e tampe a frigideira novamente, deixando cozinhar por mais 3 minutos. Por fim, quando estiver totalmente cozinho, está pronto para ser servido.

Por aqui, a forma mais comum de consumir edamame é o congelado. Para prepará-lo, coloque o vegetal em uma panela com água fervente. Quando as vagens começarem a boiar, você pode retirar da fervura. Em seguida, escorra e passe para uma vasilha para servir. Tempere a gosto, usando sal, pimenta de sua preferência e azeite. Por fim, para comer o edamame, corte a pontinha da vagem e esprema ela para retirar o grão.

Você pode preparar o edamame também em molho. Faça um molho de sua preferência e depois adicione as vagens já cozidas.

Contraindicações

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Edamame - O que é, benefícios, como consumir e preparar

Area de Mulher
Cuidaí

Embora seja um alimento muito nutritivo e saudável, o consumo de edamame deve ser evitado em alguns casos. Sendo assim, o vegetal não é indicado para pessoas sensíveis à soja ou aos fitoestrogênios presente nos seus grãos. Assim como também, por pessoas com disfunção da tireoide, já que a ingestão em excesso de soja pode sobrecarregar a glândula teroide.

Portanto, fora esses casos, o consumo de soja imatura e também da soja madura é muito indicado para todas as pessoas. Esse vegetal, altamente nutritivo, e versátil pode ser adicionado à sua dieta de diversas formas, proporcionado vários benefícios para a saúde.

Então, se você não se encaixa em nenhuma dessas condições, aproveite para apreciar esse alimento da formar que achar mais apropriada.

Enfim, o que você achou dessa matéria? Aliás, aproveite para conferir também como consumir alho-poró.

Fontes: Dicas de Mulher Vegmag Panelinha Green Me

Imagem destacada: Receitaria

Imagens: ANJ Dr. Rondo Hey Nutrition Lady Delish Cuidaí

Essa matéria Edamame, o que é? Benefícios, como consumir e preparar foi criada pelo site Área de Mulher.