Diuréticos naturais, quais são? Quando ingerir e como agem no organismo

Os diuréticos naturais fazem com que o corpo produza mais urina e ajude o organismo a liberar o excesso de água do organismo. Essa matéria Diuréticos naturais, quais são? Quando ingerir e como agem no organismo foi criada pelo site Área de Mulher.

Seu corpo está inchado? De antemão, os diuréticos naturais fazem com que o corpo produza mais urina e ajude o organismo a liberar o excesso de água. Em outras palavras, a retenção líquida causa o inchaço no abdômen, pernas, tornozelos, mãos e pés.

Por isso, se você estiver sentindo alguma dessas partes do seu corpo inchadas, pode ser excesso de líquido. Isso pode acontecer por uma série de fatores, seja por problemas renais, cardíacos, hepáticos ou doenças da tireoide.

Na maioria dos casos, esses inchaços são muito comuns. Ainda mais, como possível causa da má circulação do sangue ou medicamentos anti-hipertensivos que aumentam a retenção de líquidos no corpo.

3 tipos de diuréticos naturais

Diuréticos naturais, o que são? Por que ingerir e como agem no organismo

Diuréticos naturais, o que são? Por que ingerir e como agem no organismo

Area de Mulher
Ativo saúde | Garça online | Shoptime

Existem vários diuréticos naturais que podem ser encontrados na sua geladeira ou no seu armário da cozinha. Do mesmo modo, você também pode comprar em farmácias artesanais ou na feira do seu bairro.

Todavia, lembre-se que mesmo sendo naturais, é importante seguir a recomendação médica. Ao passo que o tratamento for avançando, você pode inserir tais substâncias para complementar sua medicação.

Alimentos diuréticos

alimentos sendo lavados

alimentos sendo lavados

Area de Mulher
Dicas Online

A princípio, alimentos com diuréticos naturais como frutas, verduras e legumes são eficazes no funcionamento dos rins. Do mesmo modo, ajudam na limpeza e filtragem das toxinas do organismo que passam pela urina.

Melancia

A fruta possui mais de 90% de água, ou seja, estimula o aumento da urina no organismo. Além disso, tem altos níveis de potássio e propriedades diuréticas naturais para ajudar o seu corpo a desinchar.

Aspargos

Em suma, esse vegetal é usado desde os primórdios para tratamentos de inchaço, reumatismo e retenção de líquido pré-menstrual.

Aipo

Também conhecido como salsão, o vegetal era muito recomendado por Hipócrates, o pai da medicina, para eliminar o excesso de água no organismo. Atualmente, os cientistas descobriram que os ftalídeos do aipo contêm efeitos diuréticos naturais.

Suco de Aipo

Suco de Aipo

Area de Mulher
Receitinhas Beterraba

Este vegetal serve como um anti-inflamatório por causa da betanina, que dá cor às beterrabas. Além disso, possui a proteína C-reativa e também é rica em potássio, que ajuda na eliminação dos líquidos.

Repolho

É um diurético natural com alto teor de fibra e água. Apesar de ser muito usado na perda de peso, o repolho possui composições que ajudam no retenção líquida. Como também, o repolho roxo serve como anti-inflamatório.

Cranberry

Muito usado no tratamento de infecções urinárias, a fruta também possui eficácia na função diurética natural. Em outras palavras, elimina o excesso de água no organismo e mantém o potássio.

Cranberry na vasilha

Cranberry na vasilha

Area de Mulher
Keto Cooking Pepino

O legume estimula o funcionamento dos rins, ajudando a descartar o ácido úrico pela urina. Muito ingerido na salada, o pepino é ideal como diurético natural, já que também reduz o inchaço.

Salsa

Essa planta medicinal é rica em antioxidantes e vitamina C, também é usada tradicionalmente para retenção de água no organismo. Ainda mais, ajudando no aumento da urina e diminuindo o inchaço no corpo.

Alho

O Alho é um excelente aliado na eliminação de líquidos e toxinas no organismo. Além de consumir na comida, muitas pessoas gostam de colocar 4 dentes de alho moídos na água e tomar diariamente.

Chás diuréticos

Chá diurético natural

Chá diurético natural

Area de Mulher
Pinterest

Em geral, os chás são inteiramente diuréticos naturais. No entanto, há alguns tipos que provocam um efeito mais forte, capaz de estimular a eliminação de líquidos. Consequentemente, também ajudam a diminuir o inchaço.

Essa seleção de chás diuréticos vai ajudar o seu corpo a eliminar o excesso de água, como também no processo de limpeza da urina.

Dente-de-leão

Primeiramente, essa planta ajuda na desintoxicação do organismo. Suas funções diuréticas são muito benéficas, usadas por mais de 2.000 anos na medicina chinesa. Além do mais, o dente-de-leão não deixa que a pessoa perca muito potássio.

Cavalinha

Utilizado na medicina tradicional, o chá de cavalinha se compara aos efeitos do remédio hidroclorotiazida. Este é um diurético produzido em laboratório.

Todavia, o chá de cavalinha não deve ser ingerido por grávidas ou mulheres em amamentação. A recomendação é o consumido por apenas 7 dias seguidos.

Hibisco

Antes de tudo, o chá de hibisco é muito bonito. Além disso, o efeito diurético dele ajuda na perca de peso, como também a desinchar.

Seu efeito se compara aos diuréticos produzidos em laboratório, como a furosemida e a hidroclorotiazida. Portanto, o consumo deve ser evitado durante a gravidez e lactação.

Chá diurético de Hibisco

Chá diurético de Hibisco

Area de Mulher
Chá Benefícios Funcho

Muito usada para problemas na bexiga e pressão alta, a planta pode ser consumida por crianças e adultos. Porém, deve ser recomendada pelo obstetra, em casos de grávidas e lactantes.

Chá verde

O chá é feito da planta Camelia sinensis, é rico em cafeína e tem poder altamente diurético. Seja como for, a bebida pode aumentar a produção de urina e eliminar a retenção de líquido no organismo.

Contudo, deve ser evitado por crianças, grávidas e lactantes. Como também, pessoas que têm insônia, por causa da cafeína.

Chá de salsinha

Um dos remédios caseiros mais populares, o chá de salsinha ajuda no funcionamento dos rins, aumentando a produção de urina. Mesmo assim, lembre-se de picar a salsinha para ter um efeito melhor.

Entretanto, não deve ser consumido por grávidas. Além de pessoas em tratamento com anticoagulantes e demais diuréticos.

Remédios naturais

Comprimidos diuréticos

Comprimidos diuréticos

Area de Mulher
Revista Ana Maria

Além dos diuréticos naturais em alimentos e chás, também tem opções de comprimidos artesanais. Estes são produzidos de maneira diferente dos demais medicamentos, eles possuem efeitos semelhantes ao citados anteriormente.

No entanto, os remédios naturais servem para aquelas pessoas que não têm muita paciência de fazer chás ou preparar alimentos. Basicamente, é muito simples comprar uma cartela na farmácia ou laboratório.

Centelha Asiática

As cápsulas são produzidas dessa planta, que atua como anti-inflamatório e ajuda na circulação sanguínea. A recomendação é tomar nas principais refeições, ou seja, um ou dois comprimidos até 3 vezes por dia.

T_Sek

Esse remédio vem em formato de saquinho para diluir na água e beber durante o dia. Ainda assim, em sua composição tem abacaxi, hibisco, chá mate, chá branco, chá verde, colágeno e capim-limão.

Xpel

É um diurético natural potente para ajudar a eliminar, definitivamente, o excesso de líquidos no organismo. Nesse sentido, as cápsulas carregam em sua composição o chá verde e a semente de guaraná.

Xícara com bebida saindo fumaça e embalagem do lado

Xícara com bebida saindo fumaça e embalagem do lado

Area de Mulher
Raquel Costa Drenative

Juntamente com a função de diurético natural, esse remédio ajuda na queima de gordura. Além disso, as cápsulas possuem, café verde e abacaxi. Sendo necessário apenas 1 comprimido por dia.

Carqueja

Esse remédio é produzido pela planta medicinal, ele serve para melhorar a digestão, combater gases e ajudar a emagrecer. Ainda mais, tem ação drenante, purificando o organismo e eliminando toxinas do sangue.

Cáscara sagrada

Mais que diurético, essa planta é muita utilizada no tratamento de prisão de ventre, por causa do efeito laxante. Desse modo, deve-se ingerir uma ou duas cápsulas por dia.

Fronha de seda – Os benefícios da peça para a pele e cabelo

×

Quando devo ingerir diuréticos naturais?

Diuréticos naturais, quais são? Quando ingerir e como agem no organismo

Diuréticos naturais, quais são? Quando ingerir e como agem no organismo

Area de Mulher
Drauzio Varella

Acima de tudo, os diuréticos naturais só devem ser consumidos com orientação médica ou do nutricionista. Portanto, as pessoas com hipertensão, as grávidas e lactantes devem evitá-los, já que não é recomendado o consumo para esses grupos.

Inchaço nas pernas: Quando sentir cansaço e peso nas pernas. Ao pressionar o dedo na região, é possível saber se está inchado. Linfedema: Casos de inchaços após cirurgias ou procedimentos médicos. Infecção Urinária: Com os diuréticos naturais, a pessoa vai ganhar mais produção de urina, assim eliminando mais bactérias. Excesso de líquidos: Quando sentir o corpo inchado. Principalmente na TPM, após uma viagem ou num dia que comeu demais. Regular pressão sanguínea: Normalmente, é possível controlar a pressão arterial com cuidados diários. Porém, se estiver acima de 14/9 é considerada grave. Combater a celulite: A retenção de líquidos é a maior causadora de celulites. Logo, utilizando diuréticos naturais resolverá o problema.

Fontes: Cuidai, Tua Saúde, Tua saúde 2, Ecycle, Drauzio Varella

Imagens: Ativo Saúde, Garça Online, Shoptime, Dicas Online, Receitinhas, Keto Cooking, Chá Benefícios, Blog Raquel Costa, Drauzio Varella

Essa matéria Diuréticos naturais, quais são? Quando ingerir e como agem no organismo foi criada pelo site Área de Mulher.