Dermatologistas e 16 segredos que eles querem que você saiba

Os dermatologistas cuidam da saúde da nossa pele e ainda assim existe uma série de informações que ele quer que saibamos. Veja agora!

Certamente, todo mundo tem dúvidas básicas que gostariam de tirar com os dermatologistas. Provavelmente, se fosse possível, todo mundo iria querer um especialista deste tipo disponível a todo momentos para ajudar a lidar com certos assuntos.

Principalmente pelo fato de que quando o assunto é pele e cabelo, muitos mitos surgem por aí. Consequentemente, os dermatologistas são os únicos capazes de destruir esse senso comum falho.

Acima de tudo, se eles pudessem, os dermatologistas falariam todas as verdades na sua cara. Para dar uma força, o Segredos do Mundo reuniu 16 coisas que todo dermatologista gostaria que você soubesse.

Confira 16 coisas que dermatologistas querem que você saiba 1 – Lavar os cabelos não causa queda de cabelo
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Bonde

Primeiramente, é um mito quando falam que lavar os cabelos causa queda de cabelo. Quando alguém faz o movimento da lavagem e os fios caem na mão, certamente é consequência de alguma doença ou problema no cabelo ou couro cabeludo. Ou seja, eles cairiam mais cedo ou mais tarde.

Além disso, não lavar o couro cabeludo pode causar dermatite seborreica, e eventualmente aumentar a queda de cabelo. Acima de tudo, perdemos de 100 a 150 fios por dia normalmente, sem representar problema algum.

2 – Raspar os pelos não deixa eles mais grossos
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
MHM

Outra informação que os dermatologistas sonham em tornar pública é que o fio vai afinando das raízes até a ponta.

Ao ser raspado, portanto, removemos a ponta mais fina, e sua extremidade evidente já sai da pele no diâmetro mais grosso. Contudo, este é o mesmo diâmetro que o fio normal teria ao longo do seu comprimento.

Consequentemente, é um mito dizer que raspar os pelos deixam eles mais grossos.

3 – As fases da lua não interferem no crescimento ou saúde dos cabelos
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Alto Astral

Os fios de cabelo, segundo os dermatologistas, são estruturas compostas basicamente de queratina. Como são estruturas mortas, não tem reprodução celular.

A reprodução celular, portanto, se dá nas raízes, dentro do couro cabeludo. Com isso, o fio vai se exteriorizando lentamente.

O corte das pontas, então, pode remover pontas duplas, ou um cabelo mais antigo, danificado e eventualmente quebrado. Basicamente, isso traz um aspecto mais saudável ao fio.

4 – As cutículas são uma barreira de proteção natural contra agentes inflamatórios
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Rádio Aratiba

Primeiramente, as cutículas ajudam a evitar que fungos vírus e bactérias entrem em contato com a pele das unhas.

Consequentemente, a remoção da cutícula é sim prejudicial e pode causar doenças nas unhas. Pelo menos é isso que afirmam os dermatologistas.

5 – Manchas brancas na pele não é sinal de presença de vermes
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
VIX

Primeiramente, manchas brancas na pele não mostram presença de verme.

Além disso, esse sinal pode ser a manifestação de outros problemas. Segundo os dermatologistas, micoses, vitiligo, hanseníase, eczemátides (nas peles alérgicas), e até linfomas podem apresentar estes sintomas.

6 – Cânceres de pele na maior parte das vezes não são pintas feias
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
São Camilo

Lesões esteticamente agradáveis também podem ser sinal de câncer de pele, uma vez que cânceres iniciais simulam pintas normais.  Apesar disso, as ceratoses seborreicas são esteticamente mais feias e mais comumente levam as pessoas aos dermatologistas.

7 – Alimentos podem aumentar o surgimento de cravos e espinhas
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
São Camilo

Primeiramente, é um mito que a alimentação não influência na sua pele. Está completamente ligado. Principalmente os derivados do leite e alimentos ricos em açúcares.

8 – Excesso de lavagem da pele piora oleosidade, cravos e espinhas
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Beleza Extraordinária

Quando você lava demais a pele, ela entende que está ficando ressecada e faz efeito rebote. Consequentemente, o ideal é lavar a pele do rosto de 2 a 3 vezes por dia

9 – O sol não melhora espinhas
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
UOL

Primeiramente, quando você toma muito sol, pode ter uma ação levemente antiinflamatória nas espinhas. Além disso, o bronzeado também esconde as manchas de acne. Ainda assim, as manchas de acne se tornam mais pigmentadas, e com a saída do bronzeado, mais evidentes.

10 – Masturbação não causa acne
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
G1

Apesar das espinhas aparecerem na mesma época da descoberta sexual, uma coisa não está ligada a outra. Ou seja, masturbação não está ligada as acnes.

11 – Gestantes podem fazer tratamentos dermatológicos
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
G1

Muitas pessoas acreditam que as grávidas não podem usar medicamentos dermatológicos e ácidos. Apesar disso, existem produtos com segurança comprovada na gestação e amamentação, que não causam danos ao feto.

12 – Usar protetor solar com FPS maior que 30 pode ser mais seguro
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Gazeta

A proteção do FPS dos filtros solares não é exatamente proporcional. Isso quer dizer que um FPS de 60 não protege o dobro que o de 30, mas sim o tempo que a pessoa demoraria para queimar a pele seria o dobro. Por outro lado, pelo fato de todos nós equivocadamente aplicarmos o filtro solar em quantidades menores que a preconizada e reaplicarmos com pouca frequência, é interessante o uso de um protetor com FPS maior, trazendo mais segurança.

13 – Luzes e calor de eletrodomésticos e lâmpadas podem prejudicar a pele
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Ilumisul

Sim, luzes e calor causam manchas. Acima de tudo, filtros solares físicos, com cor de base podem agregar proteção à pele no dia a dia em ambientes fechados.

14 – Usar hidratantes na pele não combate rugas e envelhecimento
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Gaúcha ZH

Os hidratantes hidratam a pele, e podem até deixá-la com aspecto mais bonito e viçoso. Apesar disso, para combater o envelhecimento, somente hidratação é insuficiente; é necessário aplicar compostos anti-idade.

15 – Automedicação em dermatologia é algo muito comum e perigoso
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Elo 7

Primeiramente, todo tipo de automedicação é perigosa. Não seria diferente com produtos de pele. Por exemplo, muitas pomadas contém corticoesteroides, que no caso de lesões de pele com micro-organismos podem piorar a lesão, além de mascarar o formato inicial, dificultando o diagnóstico no futuro.

16 – Excesso de banho e sabonete pode facilitar o surgimento de coceiras e alergias
16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

16 coisas que dermatologistas querem que você saiba

Área de Mulher
Metropoles

Produtos de limpeza profunda e que matam germes podem ressecar muito a pele, causando coceiras e até alergias. Consequentemente, é necessário ter muita prudência nos banhos, evitando os fatores de risco citados, principalmente nas peles secas e sensíveis.

Você gostou dessa matéria? Então você também via gostar dessa: Cravo no nariz – causas, tipos, mitos e 5 formas de eliminar o problema

Fonte: Minha Vida

Imagens: Fashionando