ÁREA DE MULHER Casca de alimentos – Benefícios e melhores formas de utilizar

Casca de alimentos – Benefícios e melhores formas de utilizar

As cascas de alimentos possuem diversos benefícios para a saúde e podem ser reaproveitadas em deliciosas receitas. Saiba mais sobre. Essa matéria Casca de alimentos – Benefícios e melhores formas de utilizar foi criada pelo site Área de Mulher.

Area de Mulher

Todos os dias são produzidas toneladas de lixo em todo o mundo e quando se fala de sustentabilidade, se fala também em reaproveitar diversos produtos que descartamos. As cascas de alimentos, sementes e talos, por exemplo, vão para o lixo quando podem ser reutilizados na nossa alimentação e ainda proporcionar diversos benefícios para a saúde e para o planeta.

O hábito de descascar os alimentos e descartar essas cascas é muito comum, mas é nela onde estão presentes a maioria dos nutrientes das frutas e verduras. As cascas e sementes possuem mais fibra do que a polpa do alimento em si e esse nutriente é fundamental para o bom funcionamento gastrointestinal.

A casca de uma batata cozida, por exemplo, contém 175% mais vitamina C, 115% mais potássio e 110% mais de magnésio e fósforo do que a sua polpa. Ademais, os níveis de antioxidante podem ser 300 vezes mais alto na casca do alimento. Por isso, as cascas podem ajudar a controlar o nível de açúcar no sangue, diminuir o colesterol, ter efeito anti-inflamatório, dentre outros benefícios. Então, conheça mais as sobre vantagens de reaproveita-las na sua alimentação.

Benefícios das cascas de alimentos

Casca de alimentos - benefícios e melhores formas de utilizar

Casca de alimentos - benefícios e melhores formas de utilizar

Area de Mulher
Fonte: Greenco

Ricas em nutrientes

Como já dissemos anteriormente, os níveis de nutrientes presentes nas cascas dos alimentos podem ser muito maiores do que os presentes na polpa. Geralmente, esses nutrientes e seus níveis dependem do tipo vegetal, por isso trouxemos alguns exemplos pra você.

A casca de laranja é rica em vitamina C, que é o excelente antioxidante. O mesmo ocorre com a casca de abacaxi, que também possui enzina bromelina, que ajuda a digestão de proteínas. Já casca da cenoura possui uma grande quantidade de vitamina A e betacaroteno, substâncias responsáveis por manter a saúde da pele e dos olhos.

Assim como a casca da cenoura, a da abóbora contém betacaroteno e vitaminas A, importantes contra o risco de câncer e doenças cardiovasculares. Nela estão presentes também vitamina C e potássio. Além disso, suas sementes são ricas em zinco, magnésio, ferro, potássio e ômega 3, que combate inflamações e previne doenças cardiovasculares.

Com talos e folhas de hortaliças não é diferente quando falamos da alta quantidade de nutrientes. O brócolis, a couve-flor, o agrião e a couve manteiga, por exemplo, são ricos em cálcio e magnésio, muito importantes para a saúde dos dentes e ossos.

E se você quer um alimento que proporcione bem-estar, saiba que a casca de banana é ótima. Isso porque ela é rica em triptofano, substância componente do hormônio serotonina, que causa a sensação de prazer.

Proporciona saciedade

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
Fonte: Dicas de Mulher

Outro benefício das cascas de alimentos é ajudar a reduzir a fome. Isso ocorre porque nas cascas está presente um alto teor de fibras, que alonga o estômago e diminui a velocidade com que esse órgão é esvaziado. Além disso, as fibras também agem  na liberação dos hormônios de saciedade no organismo.

Outro fator importante envolvendo as fibras, é que elas também servem de alimentos para os probióticos, bactérias amigáveis que vivem no intestino. Essas bactérias, quando alimentadas por fibras, produzem ácidos graxos que aumentam ainda mais a saciedade.

Por isso, se você gostaria de perder peso, saiba o consumo de cascas de alimentos pode ser uma ótima alternativa já que diminui a fome e faz você se sentir satisfeito por mais tempo.

Ajuda na prevenção de doenças

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
Fonte: Pinterest

Com tantos nutrientes, não é surpresa que as cascas de alimentos consigam agir no combate a doenças. Os antioxidantes presentes nesses alimentos é uma das principais substâncias que ajuda a prevenir doenças. Isso porque eles agem contra os radicais livres, que causam estresse oxidativo, prejudicando as células e potencializando o risco de doenças.

Esses antioxidantes estão associados à diminuição do risco de doenças cardíacas, alguns tipos de câncer e até doenças neurológicas, como a doença de Alzheimer.

Como aproveitar as cascas de alimentos

Agora que você sabe os benefícios que as cascas de alimentos podem proporcionar, você certamente deve estar pensando em como reaproveitar essas cascas. Por isso, trouxemos as melhores opções para você não desperdiçar nada.

Não descascar os alimentos

Casca de alimentos - benefícios e melhores formas de utilizar

Casca de alimentos - benefícios e melhores formas de utilizar

Area de Mulher
Fonte: Cucchiaio pieno

A forma mais simples de aproveitar as cascas é não descascando os alimentos. A maioria das verduras e frutas podem ser consumidas e preparadas com a casca, como a cenoura, a batata, maçã, abobrinha. Por isso, essa opção mais óbvia é uma alternativa muito simples para aproveitar os benefícios das cascas dos alimentos.

A recomendação, no entanto, é que esses alimentos sejam muito bem higienizados para retirar qualquer resíduo que possa estar presente na casca. Utilize também uma escovinha e água corrente para facilitar esse trabalho.

Reutilizar as cascas de alimentos

Area de Mulher

Area de Mulher

Area de Mulher
Fonte: Minha Saúde

Outra opção para reaproveitar essas cascas é guardá-las depois de descascar as frutas, verduras e legumes. Você pode até armazenar as cascas, sementes e talos na geladeira com embalagens do tipo “ziploc” e ir utilizando no dia-a-dia.

É possível preparar uma diversidade chás e sucos que podem ser servidos quentes ou gelados. Cascas como a de laranja e limão podem ser aproveitadas em bolos, para isso, limpe-as muito bem removendo a parte branca da fruta para que não fique um gosto amargo. Talos de vegetais e frutas também são ótimos no preparo de sucos, basta guardá-los picados no congelador para facilitar na hora de centrifugar.

Cascas de banana e maracujá, por exemplo, podem ser desidratadas no forno e, posteriormente, processadas. Dessa forma, você pode usar a farinha dessas frutas em vitaminas, sucos e saladas de frutas.

Já cascas mais grossas, como as de legumes, são ótimas para fazer chips. Para isso, basta temperar com azeite, sal e especiarias do seu gosto e deixar assar até ficarem crocantes. Além disso, essas cascas podem ser utilizadas para preparar deliciosos caldos de legumes. Por isso, ao invés de descartá-las depois de descascar os legumes, guarde-as no congelador, depois que você tiver uma boa quantidade de cascas, cozinhe com temperos da sua preferência.

Cascas de alimentos na compostagem

Casca de alimentos - benefícios e melhores formas de utilizar

Casca de alimentos - benefícios e melhores formas de utilizar

Area de Mulher
Fonte: EcoInforme

Para quem gosta de cultivar plantas, a compostagem é uma ótima alternativa para reaproveitar as cascas de alimentos. Portanto, utilize-as em composteiras para fazer adubo para suas plantas e diminuir a quantidade de resíduos gerados na sua casa.

Contudo, se você não tem plantas na sua casa, saiba que existem muitos programas de hortas comunitárias que aceitam doações de resíduos orgânicos para fazer adubo. Por isso, procure essas iniciativas perto de você e faça sua parte na redução de lixo no planeta.

Quais cascas utilizar e cuidados que você deve ter

Apesar de serem muito benéficas, algumas cascas são mais difíceis de serem consumidas. Um dos motivos é a quantidade de agrotóxicos que são despejados nas frutas e verduras durante seu cultivo e que ficam presentes nas cascas. Lavar bem os alimentos pode ajudar a diminuir ou eliminar a quantidade excessiva de pesticidas dessas comidas, mas muitas vezes a única solução é descascar as mesmas.

Outro motivo é que algumas frutas possuem cascas com a textura muito dura, que as torna difíceis de mastigar e digerir. Além disso, elas podem possuir o gosto muito amargo e é impossível consumi-las cruas. As cascas de abóbora, por exemplo, ficam melhores para ser consumidas após o cozimento. Veja abaixo quais cascas são comestíveis e quais não são seguras para serem consumidas.

Cascas comestíveis

Maçã Banana Cenoura Batata Pepino Aspargos Frutas cítricas Damasco Cereja Berinjela Uva Pêssego Kiwi Ervilha Pimenta Abobrinha Abóbora Ameixa Pera

Não comestíveis

Abacate Alho Melão Abacaxi Cebola

Fontes: eCycle Minha Saúde LivUp

Imagens: O Petróleo Greenco Dicas de Mulher Pinterest Cucchiaio pieno Minha Saúde EcoInforme

Essa matéria Casca de alimentos – Benefícios e melhores formas de utilizar foi criada pelo site Área de Mulher.

Últimas